A Associação Atlética Portuguesa do Rio de Janeiro foi fundada em 1924, por descendentes de portugueses na Ilha do Governador, um dos bairros mais requintados do Rio de Janeiro, a Ilha fica situada na zona norte, no bairro está localizada a cidade universitária, onde fica boa parte das instalações da Universidade Federal do Rio de Janeiro, uma das faculdades mais antigas e importantes do país.

O clube lusitano jogou divisões amadoras e grupos de acesso nos seus primeiros anos, estreando em 1933 no grupo principal do campeonato carioca organizado a época pela Associação Metropolitana de Esportes Aquáticos (AMEA), naquele período o remo e as regatas ostentavam o título de esporte mais popular da então capital federal do Brasil,tanto que Flamengo, Vasco e Botafogo, atualmente gigantes do futebol, foram formados como clubes de regata, o futebol começava a se popularizar a partir dos anos 1930.

Durante os anos 1940 e 1950, o clube ficou afastado de competições profissionais do Rio de Janeiro, dedicando-se a liga amadora da cidade e a amistosos internacionais em países como Polônia e União Soviética, a época pertencentes ao bloco socialista europeu, anos depois a Lusa escreveu uma página importante em sua história ao derrotar o poderoso Real Madrid, dentro do Santiago Bernabéu, algo que orgulha os rubro-verdes até os dias de hoje.

No final de sua carreira, Mané Garrincha foi contratado pelo time, jogando amistosos na Colômbia e Venezuela, entretanto, nunca fez uma partida de competição oficial pelo clube, muito pelos seus problemas físicos causados por uma lesão no joelho e seus problemas com bebidas alcoólicas que anos depois o vitimaria de cirrose.

O clube venceu por três vezes a segunda divisão do Rio, em 1996,2000 e 2003, sendo bi-campeão da Copa Rio, torneio que classifica as equipes para a Copa do Brasil e para a Série D do campeonato brasileiro, a lusa foi vencedora em 2000 e 2016, para esta temporada o time aposta em nomes como Wellington Júnior ex-Botafogo, o argentino Sosa ex-River Plate e Fabiano Oliveira que em épocas passadas defendeu as cores do Flamengo.

Outro fato importante é que desde 2016, a Portuguesa tem cedido seu estádio para jogos dos grandes clubes cariocas, principalmente pelo fato dos jogos olímpicos RIO-2016 terem inviabilizado o Maracanã, utilizado por Flamengo e Fluminense, além dos clássicos, e o Nílton Santos, arrendado até 2034 ´pelo Botafogo, inicialmente o Botafogo utilizou as dependências do estádio, desde o ano passado quem o faz é o Flamengo, principalmente para jogos com pouco apelo de público, para receber o rubro-negro o estádio é rebatizado de Ilha do Urubu.

(imagem retirada da Wikipedia)