Confira na íntegra a carta de afastamento de Carlos Arthur Nuzman do COB

Compartilhe
Compartilhar no facebook
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no twitter

Por Guilherme Nascimento Oliveira

 

Após ser preso na operação Unfair Play, jogo sujo, traduzido do inglês, o dirigente Carlos Arthur Nuzman, que está preso em uma cadeira do bairro de Benfica, Zona Norte do Rio de Janeiro, escreveu uma carta pedindo o afastamento de suas funções no comitê olímpico do Brasil, Veja abaixo a nota:

“Prezados senhores membros,

Não posso deixar o esporte olímpico brasileiro, seus dirigentes, e especificamente, os atletas, serem atingidos, por qualquer forma, pelos acontecimentos e investigações que me envolvem injustamente.

Vou defender minha honra e provar minha inocência diante das autoridades constituídas, nomeadamente perante o poder judiciário. Vou defender minha honra e provar inocência perante os desportistas do mundo inteiro. Vou defender minha honra e provar minha inocência diante daqueles que me acusam e de outros que se omitem. Vou defender minha honra e provar minha inocência aos dirigentes do esporte olímpico mundial, inclusive aqueles integrantes do Comitê Olímpico Internacional.

Para exercer em sua plenitude o meu direito de defesa, até agora violado, afasto-me a partir desta data, dos cargos de presidente do Comitê Olímpico Brasileiro. Afasto-me também do cargo do presidente do Comitê Organizador dos Jogos Olímpicos Rio 2016.

Meu afastamento perdurará pelo tempo que se fizer necessário para a minha completa, inquestionável, exoneração de qualquer responsabilidade pela prática dos atos que, indevida e injustamente me são imputados. Somente assim, entendo, poderei dedicar-me ao sagrado direito de defesa, trazendo a necessária tranquilidade para a correta administração do esporte olímpico brasileiro, e logicamente, não interferindo no aperfeiçoamento e desenvolvimento de seus atletas, cordialmente,

Carlos Arthur Nuzman”.

Sobre Guilherme Nascimento Oliveira

Guilherme Oliveira é o mais recente colaborador do Portal Giro, graduando em História na UNIRIO, foi atleta, jogador de futebol no Petropolitano Foot-Ball Club, no atua com mídia esportiva desde 2013, é repórter e comentarista de esportes diversos, principalmente no futebol e no automobilismo.

Compartilhe
Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no pinterest
Pinterest
Compartilhar no twitter
Twitter

veja também

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.