Foto: Alessandro Marques/GIRO

Comissão da Alerj debate lei que torna obrigatório o alerta gratuito sobre risco de desastre

A medida foi proposta pela deputada Célia Jordão (PL) e pelo presidente da Casa, deputado André Ceciliano (PT)
Compartilhe
Compartilhar no facebook
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no twitter

A Comissão de Defesa Civil da Assembleia Legislativa do Estado do Rio de Janeiro (Alerj) vai realizar, nesta terça-feira (29/11), audiência pública para debater a Lei 9.740/22. A medida foi proposta pela deputada Célia Jordão (PL) e pelo presidente da Casa, deputado André Ceciliano (PT), e estabelece que as empresas de telefonia sejam obrigadas a transmitir gratuitamente alertas à população sobre os riscos de desastre no Rio. A audiência acontecerá às 10h, na sala 1801 do Edifício Lúcio Costa – sede da Alerj, e terá transmissão, ao vivo, pela TV Alerj.

“Precisamos discutir a implementação dessa lei que tem o potencial de salvar vidas. As sirenes não podem ser a única opção. A ampliação dos alertas pelo celular, em todos os municípios do estado e por todas as operadoras, precisa ser efetivo”, afirmou o deputado Rosenverg Reis (MDB), presidente da comissão.

Autoridades representantes da Defesa Civil de Cordeiro, Queimados, Mendes, Macaé, Silva Jardim, Teresópolis, Mangaratiba, Paraty, Japeri, Bom Jesus de Itabapoana, Angra dos Reis, Rio de Janeiro e Rio Bonito participarão da audiência. Também foram convidados participantes do Sindicato Nacional das Empresas de Telefonia e de Serviço Móvel Celular e Pessoal (CONEXIS).

Compartilhe
Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no pinterest
Pinterest
Compartilhar no twitter
Twitter

veja também

Comentários estão fechados.