Comércio aberto neste domingo garante bom movimento de turistas em Petrópolis Mais de 35 ônibus e vans foram registrados trazendo turistas para a cidade até às 11h30

Compartilhe
Compartilhar no facebook
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no twitter

O comércio aberto e o tempo ensolarado contribuíram para o bom movimento de turistas na cidade na manhã deste domingo (17.12). No Quitandinha, Centro e no Bingen, entre 8h e 11h30, foram registrados mais de 35 ônibus e vans com pessoas de diversas cidades que vieram aproveitar a programação do Natal Imperial. A festa, que dura até 20 de janeiro, deve receber mais de 330 mil visitantes.

No Palácio de Cristal, os visitantes que chegaram cedo na cidade aproveitaram para conhecer as barracas de artesanato e destacaram o bom atendimento dos comerciantes. No local são vendidas as mais diversas peças, como panos de prato, papais noéis, enfeites para casa, para a mesa da ceia, entre outros, a partir de R$ 5.

“A gente que vem de fora, acaba aproveitando pela manhã para dar um passeio por toda a cidade. Estou aproveitando para comprar algumas lembrancinhas para toda a família. É um encanto uma cidade como Petrópolis toda enfeitada, em clima de Natal”, disse Neusa do Amaral, que veio com o marido de Juiz de Fora para conhecer a cidade.

Muitas excursões puderam ser vistas por toda a cidade logo cedo, lotando os pontos turísticos, que nesta época estão vestidos com o espírito natalino e oferecendo atrações para toda a família. O grupo da Paróquia Nossa Senhora do Rosário, do bairro Del Castilho na Zona Norte do Rio de Janeiro, veio com dois ônibus e aproximadamente 100 pessoas para Petrópolis. Boa parte deles eram crianças de comunidades carentes.

Segundo Rita de Cássia, uma das responsáveis pela excursão, a Igreja promoveu um festival de sorvete para arrecadar fundos para os jovens conhecerem a cidade. “Promovemos o passeio como a festa de confraternização das crianças que fazem catequese. Conseguimos arrecadar o dinheiro e está um sendo dia muito especial para elas, já que algumas não teriam condições de vir”, contou Rita.

Também integrante do grupo de Del Castilho, Maria Vanessa de Oliveira, destacou a importância dos pontos turísticos da cidade para o país, sendo também uma maneira de ensinar para as crianças sobre a história do Brasil. “Tem o Museu, a Catedral, a Casa de Santos Dumont. Petrópolis é uma cidade com uma história muita rica e que fica ainda mais bonita com o clima de Natal. Além das fotos, vamos aproveitar para ensinar muitas coisas para as crianças”, afirmou.

Com o comércio funcionando, o Natal Imperial também está impulsionando a economia do município. A festa é um atrativo para os consumidores e a expectativa é que vendas aumentem, entre 5% e 15%, em comparação com o mesmo período do ano passado. Até o final de dezembro, as lojas estão autorizadas a abrir todos os dias.

“Estamos recebendo turistas de todo o país. O Natal Imperial ganhou destaque nacional, se tornando uma festa referência para todo o Brasil. Isso é importante, já que aquece a nossa economia, trazendo gente aos polos de moda, pontos turísticos e a todo o comércio em geral”, destaca o prefeito Bernardo Rossi.

A rede hoteleira também registra bons números, comprovando que o Natal Imperial movimenta a economia como um todo. Somente no Centro Histórico, já registra mais de 90% de ocupação dos leitos entre Natal e Réveillon.
“O turismo é uma das principais vocações de Petrópolis e o setor está em constante desenvolvimento. O Natal Imperial tem movimentado o trade. Nos primeiros fins de semana da festa, chegamos a quase 90% de ocupação nos hotéis e pousadas do Centro Histórico, com turistas vindo de várias partes do Brasil”, frisa o secretário da Turispetro, Marcelo Valente.

Fonte: Turispetro

Compartilhe
Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no pinterest
Pinterest
Compartilhar no twitter
Twitter

veja também

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.