Créditos: Ricardo Bufolin/CBG

Com mulheres fazendo história, Brasil tem dois pódios e sobe no quadro de medalhas

As brasileiras Mayra Aguiar e Rebeca Andrade foram as medalhistas do dia.
Compartilhe
Compartilhar no facebook
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no twitter

Esta quinta-feira (29) foi de conquistas para o Brasil nas Olimpíadas. O país marcou presença em dois pódios, com um segundo e um terceiro lugar. Agora, a delegação ocupa a 17ª posição no quadro de medalhas, com um total de sete medalhas, entre elas um ouro, duas pratas e dois bronzes.

O dia começou com a judoca Mayra Aguiar, que derrotou a sul-coreana Hyunji Yoon e conquistou a medalha de bronze na categoria meio-pesado (até 78kg). Com o feito, a atleta se tornou a primeira mulher do Brasil a ganhar três medalhas olímpicas em um esporte individual. Ela já havia conquistado o bronze na Londres-2012 e na Rio-2016.

A ginasta Rebeca Andrade também fez história e conquistou a primeira medalha olímpica da história da ginástica feminina do Brasil. A atleta somou 57.298 pontos no individual geral e conquistou a prata, ficando atrás somente de Sunisa Lee, dos Estados Unidos, com 57.433.

Com a conclusão do dia, a China ultrapassou os Estados Unidos e o Japão, assumindo a liderança com 15 ouros, sete pratas e nove bronzes. Os japoneses estão em segundo, com 15 ouros, quatro pratas e seis bronzes. Já os norte-americanos, apesar das 38 medalhas conquistadas, ocupam a terceira colocação, com 14 ouros, 14 pratas e 10 bronzes.

Compartilhe
Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no pinterest
Pinterest
Compartilhar no twitter
Twitter

veja também

Comentários estão fechados.