Num jogo tecnicamente fraco, Marrocos e Irã iniciaram sua trajetória no grupo B da Copa do Mundo, a seleção africana tinha um favoritismo maior sobre os iranianos por possuírem atletas como Bentia e Zvech que atuam em times tradicionais da Europa como Juventus e Ajax.

O time do oriente médio concentra a maior parte dos convocados do campeonato local e do futebol do oriente médio em ligas como a do Kwait e Arábia Saudita, mesmo assim conseguiram endurecer o jogo que não teve muitos momentos de bom futebol.

A igualdade no placar era prejudicial aos dois times, que terão pela frente as fortes seleções espanhola e portuguesa e num lance de infelicidade de Bouhaddouz que desviu para dentro de seu gol, uma fala lateral cobrada pelo ataque iraniano, a seleção do oriente médio venceu a partida e lidera o grupo B com 3 pontos, seguidos de Portugal e Espanha que tem 1 e o Marrocos está na lanterna, desde 1998 quando venceu os Estados Unidos, o time asiático não vencia uma partida de Copa do Mundo.

(imagem FIFA)