Cirurgião de Petrópolis participa de evento no Rio sobre procedimentos estéticos

Compartilhe
Compartilhar no facebook
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no twitter

O cirurgião Bucomaxilofacial, Eduardo de Freitas Coutinho, é um dos organizadores do Top Master Meeting Hof Experience – in Rio, que acontece nesta sexta (22) e sábado (23). O evento reúne profissionais renomados do mercado da estética, que é um dos que mais cresce no país. Serão 14 palestras que irão mostrar o que há de melhor e mais moderno na harmonização facial. Eduardo é referência em fios de PDO e a alternativa da técnica para o rejuvenescimento das olheiras.

“Os fios de PDO não são traumáticos e se caracterizam pela alta biocompatibilidade com tecidos humanos, ou seja, são bem aceitos pelo corpo. São fortes, flexíveis, hidrofóbicos (não se misturam a líquidos) e não capilares. A polidioxanona não tem característica antigênica ou pirogênicas (não causa reações adversas à saúde) e o processo de absorção é seguido por reação moderada da pele e neocolagênase (formação de colágeno novo)”, explica o profissional.

A técnica estética e minimamente invasiva elimina a flacidez e combate o envelhecimento da pele ao redor dos olhos, ressalta Eduardo. “A nossa pele se deteriora com o passar do tempo, um processo fisiológico do envelhecimento humano, que é inevitável a todos nós. Existem pessoas em quem esses processos são bem danosos e ocorrem grandes mudanças, com grandes marcas de envelhecimento e remodelação óssea”, completou o cirurgião.

Eduardo explica ainda que os fios de PDC são inseridos após anestesia local e a vantagem é a garantia de estabilidade e segurança dando um “boom” de colágeno na região implantada.

Nascido em Teresópolis, na Região Serrana do Rio de Janeiro, Eduardo de Freitas Coutinho, ingressou aos 16 anos na faculdade de odontologia. Aos 21 anos começou residência em cirurgia e traumatologia bucomaxilo facial e, durante três anos, fez residência em cirurgia, atuando com todo tipo de trauma de face, lesões, disfunções maxilofaciais.

Após o término da residência continuou atuando com cirurgia e estudando para concursos. Atualmente ele é tenente do exército brasileiro e trabalha no mais antigo hospital da América Latina, tratando de casos de altíssima complexidade. Com a sua carreira cirúrgica consolidada, ele resolveu expandir sua área de atendimento, ingressando na harmonização facial, que se tornou sua nova paixão.

Finalizando seu mestrado na Universidade federal Fluminense (UFF), Eduardo ainda atua como professor na residência multiprofissional em oncologia e em cursos de harmonização facial. Atuante na região da Tijuca, no Rio de Janeiro, o Cirurgião Bucomaxilofacial agora também atende em Petrópolis, em um consultório situado no Edifício Central, na Rua 16 de março.

Compartilhe
Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no pinterest
Pinterest
Compartilhar no twitter
Twitter

veja também

Comentários estão fechados.