Cinco alunos são atingidos por reboco do teto de uma escola no Rio

Compartilhe
Compartilhar no facebook
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no twitter

Cinco alunos, com idades entre 16 e 17 anos, foram atingidas por reboco do teto durante uma aula realizada Colégio Estadual Stella Matutina, no Tanque, bairro da Zona Oeste do Rio. De acordo com informações, o teto do colégio caiu durante a aula que acontecia na manhã desta segunda-feira (18/2).

As aulas tiveram inicio há uma semana na unidade que atende estudantes do ensino médio da rede estadual.

Não temos informações sobre o estado de saúde das vítimas.

A Secretaria de Estado de Educação (Seeduc), em nota, informa que o colégio recebeu investimento para reforma de R$ 300 mil no ano passado e que abrirá inquérito sobre caso. “Quanto ao ocorrido no Colégio Estadual Stella Matutina, em Jacarepaguá (Tanque), a Secretaria de Estado de Educação (Seeduc) informa que o secretário Pedro Fernandes já determinou abertura de inquérito administrativo. Afinal, a unidade recebeu R$ 300 mil para reformas no ano passado e cabe avaliar se houve responsabilidade por parte da empresa contratada à época”, diz a nota.

O órgão afirma ainda que a gestão anterior gastou cerca de R$ 300 milhões em escolas administradas pelo Estado, valor este que poderia ter sido investido em novas unidades de ensino. “Vale ressaltar que a antiga gestão da Seeduc gastou cerca de R$ 300 milhões em reformas de escolas, quando poderia ter gasto parcela deste montante na construção de novas unidades. Portanto, casos como este terão sempre abertura de inquérito para avaliar se o investimento foi adequado“, afirma a Secretaria.

Sobre o acidente, segundo a Seeduc, o atendimento aos alunos acidentados foi realizado de imediato pela direção da escola que chamou preventivamente o SAMU. “A Seeduc esclarece que parte do reboco interno de uma das salas de aula se desprendeu em decorrência das chuvas. A direção da unidade escolar, tão logo ocorreu o incidente, acionou o SAMU de forma preventiva e a Secretaria já está dando todo o suporte para os alunos“.

Cinco jovens sofreram escoriações leves, foram levados para o Hospital Lourenço Jorge para exames, e já foram liberados.

Compartilhe
Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no pinterest
Pinterest
Compartilhar no twitter
Twitter

veja também

Comentários estão fechados.