Cidade tem 37 casos de furtos de cabos e equipamentos semafóricos em quatro dias

Sinalização foi depredada entre sábado (4) e a manhã desta quarta-feira (8). Ao todo, foram levados 1,8 km de cabos de energia.
Compartilhe
Compartilhar no facebook
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no twitter

A Prefeitura de São Paulo, por meio da Companhia de Engenharia de Tráfego (CET) registrou entre as 7h de sábado (4) e as 7h desta quarta-feira (8) 37 ocorrências de furto de cabos e equipamentos semafóricos em cruzamentos da cidade. Ao todo, foram levados 1,8 km de cabos de energia. Os cruzamentos afetados são os seguintes:

Das 7h de sábado (4) às 7h de domingo (5):

1) Av Cd. De Frontin x R Frei Mont’Alverne: furto de 140 m de cabos;

2) Av Mal. Tito x Pça. Lions Clube Itaim Paulista: furto de 60 m de cabos;

3) Av Alm. Delamare x R Con. Xavier: furto de 50 m de cabos;

4) R Pedro Machado x Av Auro Soares de Moura Andrade: furto de 85 m de cabos;

5) Av João Simão de Castro x Av do Poeta: furto de 60 m de cabos;

6) Rua Barra Funda x Rua Lopes de Oliveira: furto de 50 m de cabos;

7) Av Sapopemba x Av Sgto Iracitan Coimbra: furto de 50 m de cabos.

De 7h de domingo (5) para 7h de segunda-feira (6):

1) R. Victorio Santim n.178: furto de 55 m de cabos;

2) Av. Sapopemba x Av. Salvador Jorge Velho x Av. Cel. Pacheco do Couto: furto de 40 m de cabos;

3) Av. Amador Bueno da Veiga, 784: furto de 155 m de cabos;

4) R. Adelino de Almeida Castilho x R. José Epaminondas de Oliveira: furto de 60 m de cabos.

De 7h de segunda (6) para 7h de terça-feira (7):

1) Pça. Nina Rodrigues X R. Otto de Alencar X R. Junqueira Freire: furto de 25m de cabos. Reincidências de Furtos nos dias 29/8/21, 1 e 3/9/21;

2) Av. Rio Branco X R. Antonio de Godoi X LG. Paiçandu: furto de cabos;

3) Estr. do Imperador X Estr. de Mogi das Cruzes X Av. Águia de Haia: furto de 160 m de cabos;

4) Pç. Floriano Peixoto X Av. Mário Lopes Leão X R. Paulo Eiró X Pç. Salim Farah Maluf: furto de 30m de cabos. Recomposição de 5 Caixas de Passagem;

5) R. Adelino de Almeida Castilho X R. Aiama: furto de 40 m de cabos;

6) R. Cantagalo X R. Sete de Outubro: furto de 100 m de cabos;

7) R. Tabacarana X PÇ. Rainha das Avencas: furto de 25 m de cabos;

8) Estr. do Imperador, 1.900: Furto de 65m de Cabos. Reincidência de Furto nos dias 16 e 23/8/21 , 2 e 3/9/21.

9) R. Conselheiro Furtado X R. da Glória: furto de 60 m de cabos;

10) Av. Duque de Caxias X R. Conselheiro Nébias: furto de 75 m de cabos;

11) Av. Mal. Tito, 6.002: Furto de 20m de Cabo. Reincidência de furtos nos dias 26 e 27/08/21.

12) Av. São Miguel X PÇ. Frei Albino Aresi: furto de 55 m de cabos;

13) R. Serra de Japi X R. Emilio Mallet: furto de 60 m de cabos;

14) Av Calim Eid x Rua Maestro Alfredo Bevilaqua: furto de 105 m de cabos;

15) Rua do Gasometro na Rua Mons de Andrade: furto de 20 m de cabos;

16) Al Barros X Rua Rosa e Silva: furto de 150 m de cabos;

17) Rua Cons Brotero x Rua Dr Candido Espinheira: furto de 15 m de cabos.

De 7h de terça (7) para 7h de quarta-feira (8):

1) Al. Br. De Limeira x Al. Glete: furto de 60 m de cabos;

2) R. Flores do Piauí x R Américo Salvador Novelli: furto de 120 m de cabos;

3) Av. São Miguel x Praça Albino Aresi x R. Embira: furto de 250 m de cabos;

4) Av. Duque de Caxias x Rua Br. de Campinas: furto de 20 m de cabos;

5) Rua Cantagalo x Rua Sete de Outubro: furto de 50 m de cabos;

6) R. Jaime Barcelos, 570: furto de 40 m de cabos;

7) Av. Pires do Rio x R. Nicolau Campanella: furto de 15 m de cabos;

8) Av. Ragueb Chohfi x R. Baltazar dos Reis: furto de 50 m de cabos;

9) Av. São Miguel x Taiuvinha: furto de 30 m de cabos.

Conserto e substituição

As equipes de manutenção da Companhia de Engenharia de Tráfego (CET) estão trabalhando continuamente no conserto e substituição dos equipamentos, para restabelecer o funcionamento o mais brevemente possível. Estão sendo realizados o alteamento dos controladores semafóricos, a concretagem e soldagem das tampas das caixas de passagem da fiação, bem como das janelas de inspeção das colunas semafóricas. A CET também tem mantido conversas frequentes com a Secretaria de Segurança Pública, polícias Civil e Militar e a Guarda Civil Metropolitana (GCM) para a adoção de medidas que combatam esse tipo de crime tão nocivo à cidade. A população pode ajudar. Ao flagrar um ato criminoso, denuncie pelo 190 ou 156.

Compartilhe
Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no pinterest
Pinterest
Compartilhar no twitter
Twitter

veja também

Comentários estão fechados.