A partir desta quarta-feira (6) a empresa Cidade Real começa a fase de testes para operação com reforço nos horários de pico. Ao todo, serão mais seis veículos circulando diariamente entre 16h e 19h. Além disso, alguns ônibus da linha  10 Rodoviária Bingen Executiva, que vão passar a ter o ponto final no Terminal Centro também nos horário de pico da tarde.

Segundo a empresa, os fiscais vão acompanhar e monitorar de perto a demanda de passageiros e, com isso, haverá o reforço em linhas específicas. A empresa que já utiliza o acompanhamento da operação por meio do Sistema de Monitoramento por GPS, vai ter condições de saber quais são os pontos em que os ônibus estão enfrentando mais congestionamentos.

“Muitas vezes, o trânsito impede que os coletivos cumpram os horários já programados e isso faz com que as pessoas fiquem mais tempo esperando nos pontos, o que provoca o desconforto. Com esse monitoramento vamos dar mais rapidez e previsibilidade para as viagens”, afirma o gestor da Cidade Real, Miguel Ângelo Viana.

“Toda e qualquer iniciativa das empresas que possa colaborar para a priorização do transporte coletivo terá o apoio da CPTrans. Recebemos essa iniciativa da Cidade Real com muita satisfação, por que cliente do transporte só tem a ganhar com ações como essa” ressaltou Jairo da Cunha Pereira, diretor-presidente da CPTrans.

A ideia é que a operação com reforço atenda as regiões de maior movimentação, que são os corredores do Bingen, Duarte da Silveira e Mosela.

Para saber a localização dos ônibus em tempo real o cliente pode acessar www.vadeonibus.com.br ou baixar gratuitamente o aplicativo Vá de Ônibus já disponível para Android e IOS.

Área de anexos