Primeiro Centro de Referência da Juventude fora da região metropolitana do Rio, Petrópolis passará a contar com as 20 atividades no espaço a partir de 8 de janeiro, quando todas as seis unidades do estado retornam do recesso de fim de ano. Neste sábado (16.12)  o prefeito Bernardo Rossi, acompanhado do secretário estadual de Esporte, Lazer e Juventude, Thiago Pampolha, esteve na unidade para conhecer o espaço, num dia que contou com uma série de atividades para a população do Alto da Serra. A expectativa é que equipamento atenda de 1,5 mil a 2 mil jovens com idade entre 15 e 29 anos por ano.

Um dos pontos altos do CRJ, serão os cursos de capacitação voltados aos jovens. Serão 10 especializações oferecidos pela Faetec. As vagas poderão ser preenchidas a partir do dia 8, das 9h às 22h – horário de funcionamento da unidade – para cursos de recepcionista, auxiliar administrativo, auxiliar de departamento de pessoal, auxiliar de recursos humanos, logística, telemarketing, agente de informações turísticas, inglês, recreador/animador cultural, além de operador de máquinas pesadas.

“Ter esse Centro em Petrópolis é, sem dúvida, um ganho muito grande para a cidade. Somos o primeiro município fora da região metropolitana, o que demonstra a importância que nossa cidade tem dentro do estado. Teremos aqui inúmeras opções de atividades entre lazer, cultura, esporte e educação, que dará aos nossos jovens, o nosso futuro, possibilidade de profissionalização e também a perspectiva de um futuro melhor, seja pela cultura ou pelo esporte”, destaca o prefeito Bernardo Rossi.

As atividades esportivas também são destaque dentro do CRJ. O espaço contará com diversas modalidades, com professores capacitados para ensinar os jovens artes marciais como o judô e jiu-jutsu e capoeira, oficina de futebol de salão e vôlei, além de jogos de tabuleiro, como o xadrez, por exemplo. No que tange às atividades culturais, o CRJ contará com aulas de zumba e ginástica/alongamento e oficina de teatro.

“Foi um esforço conjunto trazer esse Centro de Referência para Petrópolis. Sabíamos que empregar recursos aqui só seria possível com o empenho do prefeito, que sempre teve um olhar diferenciado para a juventude. Então, tivemos confiança para tornar  cidade a primeira fora da região metropolitana a ser contemplada com CRF”, frisa Thiago Pompulha.

O Centro de Referência da Juventude será custeado pelo governo do estado e o município se responsabilizará pelo espaço e manutenção do mesmo. O Alto da Serra foi escolhido para sediar o centro levando em consideração o número de jovens da região, que poderão participar de atividades que visam contribuir para a cidadania, capacitação e bem-estar.

        Ação social beneficia moradores do bairro

Em um dia marcado por comemorações, os moradores do Alto da Serra puderam participar de uma ação social promovida graças a parceria entre prefeitura, estado, Fundação Leão XIII, entre outros. Serviços como corte de cabelo, atendimento do Procon, isenção na emissão de documentos como certidão de nascimento e segunda via de registro civil, serviços de beleza, saúde, atividades esportivas e oficina de grafite, além de sorteio de brindes ao longo da ação e uma apresentação especial orquestra composta por moradores de comunidades carentes, a “Ação Social pela Música do Brasil, se apresentando para os participantes do evento.

Moradora do Alto da Serra, Luciana de Carvalho levou o filho, o pequeno Michel, de 8 anos para cortar cabelo. “Estava aqui por perto quanto soube da ação. O meu filho cortou o cabelo enquanto eu tirava algumas dúvidas no estande do Procon. Achei a ideia do Centro de Referência muito boa. Tenho uma filha de 16 anos e vou falar para ela vir aqui assim que iniciar as inscrições para os cursos para que ela possa se aperfeiçoar”, declarou.

“O CRJ Petrópolis é uma importante conquista para a juventude do interior. Esta demanda veio das duas últimas conferências de juventude e está se tornando possível a partir das parcerias que a Secretaria de Esporte, Lazer e Juventude estabeleceu ao longo de 2017. Nossa expectativa é que os jovens tenham essa local como referência para crescer e desenvolver suas potencialidades,”, comemorou a superintendente de Políticas Públicas de Juventude da Seelje, Jéssica Ohana.

“Petrópolis mais uma vez se mostra referência na assistência à juventude, compromisso que firmamos mais do que nunca em 2017. Criamos a Semana do Jovem Empreendedor (que a partir do próximo ano se torna um evento anual no calendário da cidade), aderimos ao programa ID Jovem e estamos buscando outras parcerias para beneficiar o jovem petropolitano. O Centro de Referência é mais um passo muito importante que vai ao encontro do nosso objetivo”, declara Wesley Barreto, coordenador municipal da juventude.

O evento contou com a participação do subsecretário da Seelje, Pedro Guimarães; o vice-prefeito, Baninho; o secretário de Saúde, Silmar Fortes; a secretária de Assistência Social, Denise Quintela; o superintendente de Esportes, Hingo Hammes, o coordenador do Procon, Bernardo Sabrá; além dos vereadores Paulo Igor e Jamil Sabrá.