Arquivo/Marcello Casal Jr/ Agência Brasil

Casal vende filha de apenas 11 anos para estuprador em troca de cervejas no Maranhão

Tanto os pais da vítima, quanto o "comprador", foram presos pela polícia, e enquadrados no artigo 217.
Compartilhe
Compartilhar no facebook
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no twitter

A Polícia Civil do estado do Maranhão prendeu na manhã da quinta-feira (9) na cidade de Pinheiro, interior do estado, um homem e uma mulher, pelo crime de estupro de vulnerável previsto no artigo 217-A do Código Penal brasileiro. De acordo com as investigações, o casal vendeu a própria filha de apenas 11 anos.

Ainda segundo as investigações, no final do último mês de agosto, a polícia descobriu que os criminosos venderam a filha em troca de três cervejas para um homem que a estuprou. No dia seguinte, após ter sido “comprada”, a menina de 11 anos que foi até a sua antiga residência, para morar novamente com seus pais, entretanto por não ser mais virgem, eles negaram o acolhimento da criança com medo de ficarem mal falados na vizinhança.

Após o ocorrido, a criança passou a ser de responsabilidade do Conselho Tutelar, que adotou medidas de proteção a sua integridade. Tanto os pais da vítima, quanto o “comprador”, foram presos pela polícia, e enquadrados no artigo 217.

Compartilhe
Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no pinterest
Pinterest
Compartilhar no twitter
Twitter

veja também

Comentários estão fechados.