Campanha do Maio Amarelo mobiliza mais de 500 crianças da rede municipal no CEU da Posse

Compartilhe
Compartilhar no facebook
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no twitter

Oficinas de plaquinhas de trânsito, sessão de filmes de conscientização, painéis, teatro, música e Cidade do Trânsito foram algumas das atividades da campanha do Maio Amarelo realizadas entre os alunos de 14 escolas da rede municipal de ensino, nesta quinta-feira (09.05), no CEU da Posse. A ação é uma realização da CPTrans, em parceria com a Secretaria de Educação, que mobilizou mais de 500 crianças da Educação Infantil até o 5º ano.

Com a temática “No Trânsito, o sentido é a vida”, a assinatura #MeOuça nas peças da campanha deste ano tem o viés voltado à reflexão dos adultos frente aos conselhos dado pelas crianças. “A Campanha do Maio Amarelo é muito importante para o município. Assim alcançamos as crianças para que elas cresçam já com a consciência da importância da educação no trânsito”, disse o prefeito Bernardo Rossi.

A equipe de Educação para o Trânsito da CPTrans organizou atividades lúdicas para o grupo, abordando regras de trânsito e orientações como uso do cinto de segurança, atravessar na faixa de pedestre, além da distribuição de cartilhas educacionais e das oficinas com a artista plástica Luiza Rodrigues Cunha.

“O objetivo é que as crianças sejam conscientizadas dos riscos no trânsito e que os números de acidentes diminuam, e o melhor momento de ter essa informação é na infância. As crianças serão adultos mais responsáveis”, destacou o diretor-presidente da CPTrans, Jairo Cunha. “A participação dos alunos das escolas instaladas nos distritos nessa programação foi muito importante. As crianças mostraram que a educação e o cuidado no trânsito são imprescindíveis e as atividades lúdicas chamaram ainda mais atenção das crianças e jovens. Eles são multiplicadores de conhecimento e com certeza passarão tudo o que aprenderam para as pessoas das suas casas e comunidades”, ressaltou a secretaria de Educação, Márcia Palma, que acompanhou todas as atividades pela manhã.

Durante a ação, em um momento especial, as crianças fizeram uma homenagem à Carlos Guilherme Neves, que morreu há dois anos, aos 17 anos, em um acidente de motocicleta, na Posse. “Acredito que a campanha possa melhorar o comportamento do condutor no trânsito. Fiquei muito emocionada com a homenagem para o meu filho”, contou a mãe da vítima, Maria Isabel Neves. A moradora da Posse, Renata Ferreira, também perdeu o filho de 16 anos, João Vitor, em um acidente de motocicleta, no ano passado. “A Campanha precisa atingir os jovens e adolescentes que gostam de moto. O trânsito é perigoso e precisamos dirigir para a gente e para os outros que por vezes são imprudentes. O Maio Amarelo irá conscientizar os jovens”, disse Renata.

“A campanha Maio Amarelo acontece no decorrer do mês com o objetivo de que a informação da educação no trânsito fique não só nesse período, mas também o ano inteiro e na vida. O objetivo da ação com as crianças é formar adultos mais responsáveis no trânsito”, contou a chefe de Educação no Trânsito, Márcia Pereira. “As atividades já começam na sala de aula e hoje as crianças estão participando das orientações de forma mais prática”, completou a chefe da gerência de projetos educacionais da Secretaria de Educação, Andresa de Brito Chaves.

Dados, do anuário estatístico de acidentes de trânsito relacionados a 2017 – o mais recente usado para balizar as ações da companhia – dão conta de que 35 pessoas morreram em vias urbanas do município, sendo 17 em ‘cena’ (no local) e 18 pós (horas ou dias depois). O documento mostra que a maioria dos óbitos são de homens com idade entre 21 e 30 anos. Um dado alarmante é que 37% das vítimas fatais foram em decorrência de acidentes com motocicletas – se comparado com a frota desse tipo de veículo (17% do total), pode-se afirmar que este é o tipo de veículo mais perigoso do município. Além das vítimas registradas em vias urbanos, há, ainda, outras sete mortes, considerando os acidentes em rodovias estadual e federal dentro do município.

Compartilhe
Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no pinterest
Pinterest
Compartilhar no twitter
Twitter

veja também

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.