Um imóvel alugado por um casal de turistas, em São Vicente, no litoral de São Paulo, escondia, atrás de um espelho, uma câmera que pode ter gravado momentos íntimos dos hóspedes.

Segundo a polícia, o casal, formado por uma arquiteta, de 28 anos, e um analista de sistemas, de 27, moradores da região do ABC paulista, encontrou o equipamento após perceber luzes piscando por trás do espelho. Os turistas logo desligaram a câmera e a retiraram de onde estava escondida, assustados e preocupados com a possibilidade de terem sido gravados em algum momento íntimo.

De acordo com o registro oficial, logo depois que desligaram o equipamento, os turistas receberam uma ligação do dono do imóvel, questionando se havia ocorrido algum problema. Eles falaram sobre a câmera, e o responsável alegou que a instalação era uma medida de segurança, e que era mencionada no site de reservas. O casal, porém, garantiu aos policias que não havia nada sobre isso na descrição do apartamento.

O foi alugado por meio de um site de hospedagens. A Polícia Civil investiga o caso.

Fonte: G1

Crédito da foto: Rafaella Mendes/G1