O universitário Heinze Sánchez, 27 anos, foi surpreendido com o xixi de um cachorro em suas costas, na sexta-feira, enquanto estava distraído mandando uma mensagem para uma garota que conheceu em um aplicativo, em São João de Meriti, na Baixada Fluminense. O momento foi filmado por uma câmera de segurança e viralizou nas redes sociais. Depois da repercussão, o estudante de Educação Física decidiu adotar o cãozinho que o fez de “poste”.

“Eu estava ali concentrado tentando escrever uma frase legal, quando senti um negócio quente nas minhas costas. Fiquei indignado e tentei espantá-lo”, conta Heinze. Nas imagens, o rapaz fica com raiva após a peripécia do cãozinho, levanta e dá um chute em direção ao animal, que escapa ileso. A reação gerou críticas na Internet.

De acordo com o jovem, tudo não passou de uma reação “do momento”, sem intenção de machucar o cachorro. “Eu só chutei depois que ele estava longe e também dobrei o joelho. Minha intenção não era acertá-lo. Eu só queria que ele fosse pra longe”, comenta. “Eu ainda falei para um outro cachorro que se aproximou de mim ‘você viu o que teu amigo fez comigo?’, completa Heinze.

O universitário descobriu que o vídeo estava na Web no sábado, quando seguia em direção à praia no metrô. “Um homem que eu não conheço que me mostrou. Ele comentou assim ‘o cara foi mijado nas costas’. Lembrei do que houve na hora e pedi para ver. E vi que o ‘mijado’ em questão era eu”, diz.

Heinze relata que começou a receber muitas mensagens de conhecidos e desconhecidos sobre o episódio. “Eu fiquei até com medo porque foi tudo muito rápido e recebi até ameaça, porque algumas pessoas me entenderam mal, quando tentei espantá-lo.”

No dia seguinte, o jovem saiu em busca do cãozinho. “Eu queria encontrá-lo, porque tinha brigado com ele e também porque ele tinha ‘arruinado’ a minha vida”, ri. Heinze voltou à rua onde tudo aconteceu e perguntou aos moradores sobre o animal.

ODIA