Ana Lucia Madeira / Tendas Petrópolis

Cachorro-do-mato é flagrado em condomínio em Itaipava Três, das suas cinco subespécies existentes, podem ser encontradas no nosso país

Compartilhe
Compartilhar no facebook
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no twitter

Uma “Cachorro-do-Mato” foi flagrado neste sábado (7) dentro do Condomínio Granja Brasil, em Itaipava.

Seu nome científico é Cerdocyon thous (C.t.), mais popularmente conhecido como cachorro-do-mato e pode ser chamado também de lobinho, lobo, graxaim-do-mato, graxaim, raposa dentre outras nomenclaturas, dependendo da região onde vive. Ele é mamífero da família dos canídeos (incluindo espécies como o Lobo-guará, Raposa-do-campo e o Cachorro-do-mato-vinagre), e sua espécie se encontra dividida pela América do Sul.

Três, das suas cinco subespécies existentes, podem ser encontradas no nosso país, sendo elas o C.t. entrerianus, encontrada no sul e sudeste; C.t. azarae, no sudeste, centro-oeste, assim como a C.t. thous, ambas podem ser localizadas no nordeste e norte do Brasil.

Ana Lucia Madeira / Tendas Petrópolis

É uma espécie considerada notívaga (seres que possuem maior atividade durante a noite), com tamanho aproximado em 65 cm de comprimento e 40 cm de altura, pesam entre 5 e 8 kg.

Vale ressaltar que a criação ilegal de animais silvestres pode transmitir aos humanos várias doenças como: raiva e leptospirose; além de ser um crime ambiental. Essa atividade requer a autorização do órgão competente Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (Ibama), no Brasil.

Crédito da foto: Ana Lucia Madeira / Tendas Petrópolis

Compartilhe
Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no pinterest
Pinterest
Compartilhar no twitter
Twitter

veja também

Comentários estão fechados.