A seleção brasileira vai a mais uma copa em busca de seu sexto campeonato, a seleção mais vitoriosa da história das copas, quer resgatar duas coisas perdidas em 2014, a confiança dos brasileiros e seu prestígio esportivo, tudo isso foi afetado coma  goleada sofrida para a Alemanha na semifinal da Copa do Mundo de 2014.

Os 7 a 1  ou Mineiraço, ocorreram justamente na copa do mundo em que o Brasil era anfitrião, a derrota na semifinal ainda foi agravada na decisão do terceiro lugar, onde o time perdeu por 3 a 0 para a Holanda, sem contar que nas duas copas América seguintes, o time foi eliminado nas quartas de final e primeira fase, respectivamente.

Com a saída de Dunga, técnico que assumiu a seleção após a Copa de 2014 e a chegada de Tite, o time voltou a ter uma sequência de vitórias, classificando-se tranquilamente a Copa deste ano e com isso parte do apoio popular foi recuperado, mas ainda, longe daquele clima que é comum ao torcedor brasileiro.

O Brasil está numa chave onde é o time mais tradicional e deve passar sem maiores traumas, haverá equilíbrio na disputa por uma vaga na próxima fase entre Suíça e Sérvia, sensação da última Copa, a Costa Rica corre por fora, mas não pode ser descartada.