O ditado quem não faz, leva é utilizado com frequência no futebol, as vezes um time joga melhor, ameaça mais o gol adversário e acaba sendo derrotado em lances capitais onde ou por sorte adversária ou descuido, acaba levando gols.

Numa noite de bom futebol, o Botafogo foi a Itaquera enfrentar o Corinthians, os times tem campanhas parecidas, o alvinegro carioca estreava o técnico Marcos Paquetá, já o timão contava com o retorno de Cássio e Fagner da seleção brasileira e estreantes como Danilo Avellar e Jonathan, este último começando do banco.

Um golaço marcado por Rodriginho no primeiro tempo, abriu o placar da noite em favor dos donos da casa, o Botafogo não se abateu e foi em busca do empate, dando chace a alguns contra-ataques corintianos como o esperado.

Voltando com muito mais garra no segundo tempo, o Botafogo criou oportunidades para igualar o marcador, só que o goleiro Cássio fez belíssimas defesas, prendendo o grito de gol do botafoguense, quando foi a frente o timão foi letal e marcou o segundo e decisivo gol com o atacante paraguaio Romero., este resultado faz o time momentaneamente cair uma posição na tabela sendo o décimo entre os vinte participantes da elite nacional.

(imagem twitter)