Foto: Divulgação/PMNF

Boa Esperança, em Lumiar, foi a locação principal do filme “os sapos”, movimentando a cultura e a economia de Nova Friburgo

A produção contou com apoio do Polo Audiovisual SerraAção e de outros produtores de cinema locais, além da Prefeitura de Nova Friburgo, por meio das secretarias de Cultura, Turismo, Ordem e Mobilidade Urbana e Saúde, através do setor de Vigilância Sanitária, que é vinculado à Subsecretaria de Vigilância em Saúde, além da Subsecretaria de Comunicação Social e da Guarda Civil Municipal.
Compartilhe
Compartilhar no facebook
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no twitter

Nova Friburgo é a cidade da moda íntima, das flores de corte, dos rios, cachoeiras, natureza exuberante e… do cinema também, por que não? Terminaram no último fim de semana as gravações do filme “Os Sapos”, escrito por Renata Mizrahi e com direção de Clara Linhart. E a principal locação do filme foi no Sítio Dois Irmãos, na bucólica localidade de Boa Esperança, no distrito de Lumiar. 

A produção contou com apoio do Polo Audiovisual SerraAção e de outros produtores de cinema locais, além da Prefeitura de Nova Friburgo, por meio das secretarias de Cultura, Turismo, Ordem e Mobilidade Urbana e Saúde, através do setor de Vigilância Sanitária, que é vinculado à Subsecretaria de Vigilância em Saúde, além da Subsecretaria de Comunicação Social e da Guarda Civil Municipal.

O elenco de “Os Sapos” contou com atrizes e atores conhecidos do grande público, como Thalita Carauta, destaque do Zorra Total e de novelas da Globo, além de Karina Ramil, Pierre Santos, Veronica Reis e Paulo Hamilton. A equipe de produção, composta por cerca de 35 pessoas, ficou instalada em Boa Esperança por aproximadamente um mês e meio, sendo duas semanas de pré-produção, outras três de filmagem e mais uma para desmobilização da estrutura montada. 

Neste período, diversos segmentos da economia local foram movimentados com a presença da equipe de produção do filme, como transporte, alimentação, hospedagem (três pousadas em São Pedro da Serra), material de construção, combustível, horto, restaurantes, entre outros serviços. 

#friburgoéfilme

Terra do cineasta Roberto Farias, que morreu aos 86 anos em 2018, Nova Friburgo tem inspirado diversos diretores. Um deles é o premiado Marcos Prado – produtor do lendário “Tropa de Elite” – que filmou na região de Três Picos o longa “Macabro”, que retratou o caso dos “Irmãos Necrófilos”. Também foi rodado em Nova Friburgo o filme “Missão Cupido”, de Clélia Bessa. Somente com apoio do SerraAção e da Prefeitura de Nova Friburgo, a produção de “Os Sapos” foi a quinta a utilizar a cidade como locação nos últimos anos.

Além da natureza privilegiada, Nova Friburgo também conta com profissionais altamente capacitados com formações diversas: roteiristas, diretores, produtores, diretores de arte, figurinistas, assessores de comunicação, advogados especializados em lei de audiovisual, entre outros. E o custo aqui é mais barato do que no Rio. O plano é pôr a cidade no cenário da produção de audiovisual.

O filme

Os Sapos é uma adaptação da peça homônima de Renata Mizrahi. É um filme tragicômico sobre relações de dependência amorosa. O filme se passa em um dia e uma noite numa casa de campo rústica, alugada por Luciana e Marcelo que – apesar de estarem juntos há oito anos – nunca assumiram seu compromisso. Seus vizinhos e amigos, Cláudio e Fabiana, são aparentemente felizes. Mas, conhecendo-os um pouco mais de perto, percebe-se um relacionamento altamente tóxico. Paula, amiga da adolescência de Marcelo, logo entende que chegou em um terreno minado. Ela decide ter um fim de semana divertido apesar dos conflitos que causa.

Compartilhe
Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no pinterest
Pinterest
Compartilhar no twitter
Twitter

veja também

Comentários estão fechados.