Após uma reunião entre o dirigente Alex Arruda e o técnico Marcelo Olímpio, o Biro, demonstrou sua vontade em deixar o cargo de treinador do Serrano, depois de dois anos a frente do clube onde conquistou o título de campeão do segundo turno do campeonato carioca da série C e o vice-campeonato da mesma divisão, todos em 2016 quando o clube reativou seu departamento profissional e ascendeu a segunda divisão estadual.

Na temporada passada, após um primeiro turno muito fraco, onde o time ficou na zona de rebaixamento, no segundo turno o time teve uma sequência de bons resultados que livraram o time de voltar a terceirona e de quebra quase classificou a fase semifinal do returno, que colocaria o time na briga pelo acesso a elite do futebol carioca.

Os maus resultados do início deste ano contribuíram para encurtar sua passagem que era a mais longeva entre os clubes do futebol carioca, superando inclusive os quatro grandes clubes do estado, segundo comunicado gravado por Dudu Monsanto, ele deseja continuar cooperando com o clube, entretanto, isso será discutido entre as partes.

Seu substituto será César Nunes, o Cesão que defendeu o Leão da Serra como jogador e atualmente comanda o time de juniores, no ano passado conseguiu levar a equipe a uma grande campanha na segundona de juniores, onde o time foi semifinalista do certame, ele já comanda o apronto de hoje para o jogo de quarta-feira contra o Olaria.