Quem não fizer o procedimento não poderá votar nas próximas eleições

No estado do Rio, 18 municípios estão realizando o cadastramento biométrico obrigatório (revisão eleitoral). Nessas cidades, 452.051 eleitores (47,8% do eleitorado local) ainda não fizeram o procedimento. Quem não comparecer ao cartório eleitoral para realizar a biometria até o final do prazo terá o título cancelado, ficando impedido de votar nas eleições municipais de 2020. A lista das cidades com o prazo do procedimento obrigatório e os eleitorados total e biometrizado pode ser consultada na tabela abaixo.

Um dos principais projetos da gestão do presidente do Tribunal Regional Eleitoral do Rio de Janeiro (TRE-RJ), desembargador Carlos Santos de Oliveira, o cadastramento biométrico obrigatório significa mais segurança ao processo eleitoral. “A biometria evita fraudes, uma vez que as digitais são únicas, tornando impossível o eleitor se inscrever mais de uma vez, assim como votar no lugar de outro”, explicou. “Os dados do cadastro ficam tão confiáveis que serão o embrião do Documento Nacional de Identidade”, complementou o presidente. 

A partir de agosto, a obrigatoriedade será estendida a outras 17 localidades, onde 386.045 eleitores (52,64% do eleitorado local) precisam fazer a biometria. No momento do atendimento, é preciso levar documento de identificação oficial com foto, comprovante de residência (até três meses de emissão) e o título de eleitor (caso possua). Estão dispensados de realizar o procedimento os eleitores que tiveram a biometria validada nas urnas nas últimas eleições, graças à importação dos dados biométricos do Detran-RJ para o cadastro da Justiça Eleitoral. O mesmo vale para aqueles que já fizeram a coleta biométrica na Justiça Eleitoral. 

Uma ferramenta de consulta está disponível no site do Tribunal Regional Eleitoral do Rio de Janeiro (TRE-RJ). Em caso positivo, ele deve agendar o atendimento pelo próprio site do TRE-RJ ou pelo telefone (21) 3436-9000. De qualquer forma, os eleitores de todo o estado que ainda não possuem as digitais cadastradas na Justiça Eleitoral podem fazer o procedimento desde já, evitando filas no futuro.  Para mais informações, o eleitor deve acessar www.tre-rj.jus.br/biometria.

Relação do eleitorado e o período da cadastramento obrigatório por município

Município Eleitorado Eleitorado com biometria % Período da cadastramento obrigatório
Arraial do Cabo 29.814 16.916 56,74% 5/6/2019 a 1/12/2019
Bom Jesus do Itabapoana 29.301 11.572 39,49% 17/6/2019 a 1/12/2019
Cambuci 12.074 6.914 57,26% 5/6/2019 a 22/09/2019
Cantagalo 15.940 9.509 59,65% 5/6/2019 a 22/09/2019
Carapebus 11.744 4.579 38,99% 2/8/2019 a 1/12/2019
Cardoso Moreira 11.347 4.286 37,77% 2/8/2019 a 1/12/2019
Carmo 14.317 9.969 69,63% 5/6/2019 a 22/09/2019
Comendador Levy Gasparian 7.560 3.455 45,70% 2/8/2019 a 1/12/2019
Conceição de Macabu 17.141 7.944 46,35% 5/6/2019 a 22/09/2019
Cordeiro 16.428 6.467 39,37% 2/8/2019 a 1/12/2019
Duque de Caxias 628.469 333.928 53,13% 5/6/2019 a 1/12/2019
Engenheiro Paulo de Frontin 10.536 4.698 44,59% 5/6/2019 a 22/09/2019
Iguaba Grande 23.106 12.415 53,73% 2/8/2019 a 1/12/2019
Italva 11.004 4.135 37,58% 2/8/2019 a 1/12/2019
Itaocara 19.065 12.355 64,80% 5/6/2019 a 1/12/2019
Laje do Muriaé 7.163 2.596 36,24% 2/8/2019 a 1/12/2019
Macuco 6.863 2.554 37,21% 2/8/2019 a 1/12/2019
Magé 180.161 87.176 48,39% 2/8/2019 a 1/12/2019
Mendes 15.243 5.962 39,11% 5/6/2019 a 1/12/2019
Miracema 21.949 12.837 58,49% 2/8/2019 a 1/12/2019
Natividade 12.170 6.096 50,09% 2/8/2019 a 1/12/2019
Porciúncula 13.884 6.043 43,52% 17/6/2019 a 1/12/2019
Porto Real 16.868 5.896 34,95% 2/8/2019 a 1/12/2019
Quatis 10.210 3.757 36,80% 2/8/2019 a 1/12/2019
Quissamã 17.633 11.013 62,46% 2/8/2019 a 1/12/2019
Rio Claro 15.259 5.451 35,72% 5/6/2019 a 1/12/2019
Santa Maria Madalena 8.410 3.002 35,70% 2/8/2019 a 1/12/2019
São Fidélis 30.295 14.781 48,79% 17/6/2019 a 1/12/2019
São João de Meriti 362.655 173.334 47,80% 12/8/2019 a 1/12/2019
São José do Vale do Rio Preto 16.020 8.145 50,84% 17/6/2019 a 1/12/2019
Sapucaia 16.254 6.893 42,41% 5/6/2019 a 22/09/2019
Silva Jardim 18.514 7.326 39,57% 5/6/2019 a 1/12/2019
Sumidouro 13.712 5.976 43,58% 5/6/2019 a 22/09/2019
Varre-Sai 7.973 3.601 45,16% 2/8/2019 a 1/12/2019
Vassouras 29.773 19.178 64,41% 17/6/2019 a 1/12/2019

Fonte: TRE-RJ