Giro Litoral

Bancos da Praça de Caiçara colocam em risco usuários do local

Compartilhe
Compartilhar no facebook
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no twitter

Os bancos da praça de Caiçara estão se deteriorando e os efeitos da falta de manutenção está colocando os usuários do local em risco.

Feitos de concreto, e encaixados em cima de duas colunas de sustentação, os bancos já não oferecem o conforto do descanso após uma caminhada ou uma prosa com o vizinho. Pedaços de concreto foram coletados pelos zeladores, mas as ferragens estão expostas colocando em risco quem se aproxima ou se utiliza dos equipamentos.

Além dos arames e vergalhões, alguns bancos estão literalmente soltos das suas estruturas. Os usuários que se utilizam destes bancos acabam correndo o risco de se acidentarem, pois eles balançam como se fossem uma “cadeira de balanço”, se desprendendo dos pés que são a sustentação do equipamento.

Além dos bancos, o letreiro “EU ♥ CAIÇARA” que identifica a localidade, também está estragando e, devido a quantidade de turistas que passa pelo local, a apresentação está sendo comprometida, transparecendo uma cidade abandonada.

O Portal Giro fez contato com a Prefeitura de Cruz, mas até a publicação desta matéria ninguém havia respondido.

Crédito da foto: Giro Litoral

Compartilhe
Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no pinterest
Pinterest
Compartilhar no twitter
Twitter

veja também

3 Comentários
  1. Valdenice Marques Diz

    Realmente nosso lugar está caindo aos pedaços. Prefeitura: tome uma atitude, Caiçara é rota turística e está fazendo vergonha.

  2. Antonio Galdino de Souza Diz

    Eu não entendo o motivo do prefeito não fazer uma reforma nessa praça, o custo é tão pequeno, segundo o vereador de Caiçara já foi aprovado na Câmara dos vereadores um projeto de reforma da praça.

  3. Antonio Galdino de Souza Diz

    É lamentável ver a praça da Caiçara no estado que se encontra.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.