Foto: Reprodução

Banco do Brasil anuncia programas de demissão voluntária e fechamento de agências

361 unidades serão fechadas, sendo 112 agências.

O Banco do Brasil anunciou nesta segunda-feira (11) que vai abrir dois Programas de Demissão Voluntária com previsão de adesão de cerca de 5 mil funcionários. Além disso, anunciou o fechamento de 361 unidades BB, sendo 112 agências, 242 postos de atendimento e 7 escritórios, tudo no primeiro semestre deste ano.

Os dois programas de demissão voluntária são o Programa de Adequação de Quadros (PAQ) e o Programa de Desligamento Extraordinário. O primeiro, equaciona situações de vagas e excessos nas unidades do banco e incentiva transferências para unidades que tenham vagas. Já o segundo, é específico para o incentivo de desligamento e está disponível para todos os funcionários que atendem os requisitos.

Além dos desligamentos, o fechamento de agências também ocorrerá, devendo gerar uma economia líquida anual de R$ 353 milhões em 2021 e R$ 2,7 bilhões até 2025.

Segundo o banco, o objetivo do fechamento de unidades é fornecer mais eficiência à rede de atendimento, propiciar recursos para abertura das unidades de atendimento e melhorar a experiência do cliente.

As mudanças devem acontecer a partir de 22 de fevereiro, e os clientes das unidades serão informados por meio de SMS, aplicativo para celular, internet banking, terminais de autoatendimento, correspondências, e-mail marketing e cartazes nas agências.

A mudança de agência acontecerá de maneira automática. Os clientes não terão que fazer qualquer procedimento adicional e podem manter os mesmos cartões e senhas na nova agência, mesmo havendo alteração no número da conta.

Em caso de dúvidas, os clientes poderão ser atendidos tanto via WhatsApp – (61) 4001-0001, como poderão entrar em contato com Central de Atendimento 0800 729 5291, de segunda a sexta-feira, das 8 às 20h.

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin

veja também