Foto: Bruno Nepomuceno

Balanço da operação “Moto Legal” em Teresópolis é divulgado

A ação acontece em dias e horários alternados para coibir infrações ao Código de Trânsito Brasileiro.

O balanço da Operação “Moto Legal” em Teresópolis nesta semana mostra que das 37 motos fiscalizadas até o momento, 9 eram conduzidas por pilotos sem habilitação e foram liberadas após a chegada de um condutor com CNH, 7 foram levadas para o Depósito Público Municipal por estarem com a intensidade do cano de descarga acima do permitido em lei e 2 foram para o depósito por estarem sem placa e os condutores não terem nota fiscal ou registro de ocorrência de perda do objeto.

A Operação “Moto Legal” é realizada em conjunto pela Guarda Civil Militar (GCM) e pelo 30° Batalhão de Polícia Militar e foi intensificada desde a última terça-feira (8). Os agentes de segurança percorrem a cidade fiscalizando motocicletas com o sistema de descarga alterado ou sem placas. A ação acontece em dias e horários alternados para coibir essas infrações ao Código de Trânsito Brasileiro.

A GCM trabalha com decibelímetro, equipamento calibrado para verificar se o nível de ruído emitido pelas motos está dentro do padrão determinado por lei.

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin

veja também