Audiência Pública discute regulamentação de transporte por aplicativo e fiscalização do transporte clandestino em Petrópolis

Compartilhe
Compartilhar no facebook
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no twitter

O Sindicato das Empresas de Transportes Rodoviários de Petrópolis (Setranspetro) destacou na noite de terça-feira (7) a urgência do município regulamentar o transporte por aplicativo na cidade, além de intensificar a fiscalização com relação ao transporte clandestino, feito por meio das lotadas, que se agravou durante o período da Exposição Agropecuária. O assunto foi debatido durante audiência pública na Câmara de Vereadores de Petrópolis. 

No dia 2 de maio, o sindicato protocolou um ofício na Companhia Petropolitana de Trânsito e Transportes (CPTrans) pedindo para que “sejam tomadas as devidas e imediatas providências para coibição e impedimento às práticas do transporte coletivo de passageiros clandestino irregular”.
No documento, o Setranspetro pontua situações que vêm sendo flagradas diariamente, como o transporte feito por vans, com saídas da Rua Paulo Barbosa, captando passageiros do sistema de forma “absolutamente explícita, ilegal e sem que haja qualquer fiscalização e coibição”.
Segundo Carla Rivetti, gerente de planejamento estratégico do Setranspetro, este tipo de prática coloca em risco a segurança dos passageiros e agrava ainda mais o desequilíbrio econômico e financeiro do sistema de transporte, que vem tendo queda acentuada de passageiros pagantes e que cumpre um papel social importante para o município, uma vez que transporta, por mês, 1 milhão de gratuidades. 

Ainda de acordo com Carla Rivetti, a preocupação do sistema é que este tipo de prática ilegal provoque danos irreparáveis, agravando ainda mais o problema de mobilidade urbana do município, uma vez que são meios de deslocamento que ou priorizam o transporte individual, ou utilizam veículos de menor capacidade para fazer o transporte de passageiros.
No mês passado, o Setranspetro lançou uma campanha de conscientização com relação ao uso de transporte clandestino na cidade, justamente com objetivo de combater este tipo de deslocamento, mostrando que é ilegal e perigoso.

Para o Setranspetro, alguns pontos são essenciais na regulamentação do transporte por aplicativo. Entre eles, o recolhimento de tributos municipais e INSS por parte do motorista do aplicativo; que o automóvel seja licenciado em Petrópolis e passe por vistoria junto a CPTrans; tenha a contratação de seguro para acidentes pessoais dos passageiros; vida útil de até cinco anos e limitação na quantidade de carros destinados a esse tipo de serviço.

Compartilhe
Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no pinterest
Pinterest
Compartilhar no twitter
Twitter

veja também

Maligno e A Casa Sombria estreiam nesta quinta-feira na Rede Cinemaxx Petrópolis

Tomar a vacina contra a Covid-19 é uma demonstração de amor e cuidado consigo e com o próximo. Para incentivar, cada vez mais, as pessoas a se vacinarem, a Rede Cinemaxx traz promoções especiais. Quem apresentar a carteira de vacinação, na bilheteria de qualquer uma das unidades da Rede Cinemaxx, comprovando que tomou uma ou duas doses da vacina, vai ganhar um presente especial do Cinemaxx.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.