© Marcos Oliveira/Agência Senado

Atual diretor-geral da Abin será indicado por Bolsonaro para a chefia da PF

O atual diretor da Abin (Agência Brasileira de Inteligência, Alexandre Ramagem, deve ser indicado pelo presidente Jair Bolsonaro para a chefia da Polícia Federal. Delegado da corporação, Ramagem concorre ao cargo com o atual secretário de Segurança Pública do Distrito Federal, Anderson Torres.

Ramagem tem o apoio da família Bolsonaro pois foi um dos chefes da escolta do então candidato Bolsonaro ao Palácio do Planalto em 2018.

A corporação está rachada com a saída de Maurício Valeixo do cargo da chefia da PF. Ao longo desta 6ª feira (24.abr), delegados colocaram nos perfis das redes sociais o escudo da PF envolto numa fita preta, representando luto.

A saída de Maurício Valeixo do posto de diretor-geral da PF foi pivô do pedido de demissão do agora ex-ministro Sergio Moro. Valeixo era nome de confiança do ex-juiz federal. Os dois atuaram juntos na operação Lava Jato em Curitiba.

Em troca de mensagens tornada pública por Moro e exibida no Jornal Nacional (TV Globo) desta 6ª feira (24.abr), a deputada Carla Zambelli (PSL-SP), aliada de Bolsonaro, pediu para que o então ministro aceitasse o nome de Ramagem para a Polícia Federal.

Fonte: Poder 360

Crédito da foto: © Marcos Oliveira/Agência Senado

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin

veja também