A Secretaria de Assistência Social recebeu, nesta quarta-feira (15.08), a visita de representantes da Secretaria de Assistência Social, Direitos Humanos e Trabalho de Nova Friburgo. A equipe veio a Petrópolis trocar experiências e buscar referências para a implantação de programas, como o de Promoção do Acesso ao Mundo do Trabalho (Acessuas Trabalho).

“Quero muito agradecer a Assistência Social de Petrópolis por nos receber. Nosso desejo é implantar o Acessuas em nossa cidade e esta visita nos dá uma boa ideia do que podemos fazer, como angariar apoio das empresas, incentivando os projetos que são realizados. É bom conhecer o que vem sendo feito por aqui”, comentou a secretária de Assistência Social, Direitos Humanos e Trabalho de Nova Friburgo, Emmanuele Marques.

O Acessuas Trabalho, implantado pela Secretaria de Assistência Social neste ano, já contabilizou 300 inscritos, que participam das orientações realizadas pela Assistência semanalmente em todos os oito centros de Referência de Assistência Social (CRAS). As capacitações podem gerar encaminhamento para cursos e até empregos.O programa conta com o apoio de organizações, como o Senai, Centro de Integração Empresa-Escola (CIEE), Legião da Boa Vontade (LBV), Fundação Educandário Princesa Isabel, a Associação da Rua Teresa (ARTE) e de órgãos da prefeitura, como a Secretaria de Desenvolvimento Social, pelo Balcão de Empregos,Centro da Juventude e Secretaria de Educação.

Além do Acessuas, o encontro serviu para debater outros avanços da Assistência Social de Petrópolis. “Fico feliz em saber que estamos tendo este reconhecimento de cidades vizinhas e amigas, que buscam em Petrópolis as referências para criar alternativas para o desenvolvimento dos próprios trabalhos. Conseguimos trocar opiniões, mostrar nossas ideias, objetivos e conquistas para, através disso, auxiliar outras cidades. Petrópolis tem crescido muito neste sentido, com a implantação de serviços importantes, como o Criança Feliz e o AEPETI”, disse Denise Quintella, citando as Ações Estratégicas do Programa de Erradicação do Trabalho Infantil (AEPETI), lançado em abril.

Esta é a segunda visita de representantes de outras cidades aos equipamentos da Assistência Social em menos de um mês. Em julho, o município recebeu representantes e assistidos pela Secretaria de Assistência Social de Tanguá. Eles vieram à cidade para conhecer os pontos turísticos e saber mais sobre os centros de Referência de Assistência Social (CRAS).

“Esta troca de experiências é fundamental. Passamos a nossa visão sobre os trabalhos que desenvolvemos e como a empregamos para conseguir nossos objetivos. Ao mesmo tempo, aprendemos com o que eles nos trazem de informação, nos ajudando a crescer mais ainda. Nesta visita, o foco foi o Acessuas, que vem ajudando beneficiários do Programa Bolsa Família a voltar ao mercado de trabalho”, pontuou o diretor de Proteção Social Básica, Rodrigo Lopes.