Petrópolis foi uma das cidades escolhidas pela apresentadora Angélica para gravar a última temporada do ano do Estrelas do Brasil, que faz parte do seu programa, Estrelas, da Rede Globo. A gravação aconteceu nesta quarta-feira e contou com outras convidadas famosas, a atriz Paola Oliveira e a jornalista Renata Ceribelli. A fábrica e a loja da Cerâmica Luiz Salvador, em Itaipava, o Restaurante …Lá, em Secretário, o Galpão Caipira, no Vale das Videiras, e o Castelo de Itaipava foram os cenários do roteiro. O programa vai ao ar no dia 31 de março.

Na temporada Estrelas do Brasil, Angélica mostra históricas curiosas e personagens que se destacam em suas áreas, além de falar sobre a cultura de diferentes regiões do país. Na fábrica da Cerâmica Luiz Salvador, no Madame Machado, por exemplo, a apresentadora mostrou o trabalho manual que é feito desde 1952 e conversou com o artesão José Luiz Pereira Santiago, que trabalha na fábrica desde 1962. Quem apresentou o passo a passo do processo das cerâmicas para Angélica e a Paola Oliveira, que também gravou no local, foi a sobrinha de Luiz Salvador, Eliane Maria Amaral dos Santos, conhecida como Naná.

“Ando pela fábrica desde criança, quando meus pais trabalhavam aqui. A Cerâmica tem muita história para contar, muitas pessoas da comunidade trabalharam e trabalham aqui”, explica ela.

O Estrelas do Brasil também foi gravado no Restaurante …Lá, onde elas falaram sobre o famoso sorvete de quindim, procurado por turistas de todas as partes do país, e também sobre os móveis antigos do local. No Galpão Caipira, a jornalista Renata Ceribelli partiu para percorrer uma trilha de bike na companhia do ciclista petropolitano Henrique Avancini e conheceu a região.

A primeira parada da apresentadora foi o Castelo de Itaipava, onde falou sobre a cidade de Petrópolis. Para o secretário da Turispetro, Marcelo Valente, o município é um dos principais destinos turísticos do Brasil e por isso vem sendo escolhido para gravações como essa, o que, consequentemente, atrai mais turistas e aquece a economia. “Realmente temos muitas ‘estrelas do Brasil’ em Petrópolis. A cidade tem um patrimônio histórico-cultural incrível, mas são os próprios moradores que fazem com que o município seja ainda mais especial”, destaca.

Fonte: Turispetro