Aluguel Social terá aumento de R$ 50 em Petrópolis

Com o aumento de 10%, o Aluguel Social do município passa a ter valor maior que o mesmo programa a nível estadual: R$ 550.

Sem receber ajuste no valor há sete anos, o Aluguel Social, programa que oferece recurso assistencial mensalmente, terá um aumento de 10%. Nesta última quinta-feira (25), a Câmara Municipal aprovou, em caráter de urgência, um Projeto de Lei enviado pelo Executivo, após indicação legislativa do vereador Yuri Moura, que garante o reajuste em 10% no valor pago às famílias, além de uma comissão permanente com representantes das famílias beneficiárias para a viabilidade de reajustes anuais.

“É uma conquista importante demais. Dá para dizermos que é um novo Aluguel Social, porque não é só o aumento do valor pago às famílias, que por si só já é uma vitória, mas também a criação de uma comissão com a participação justamente dessas famílias, pra discutir anualmente os reajustes.”, afirmou Yuri.

Com o aumento de 10%, o Aluguel Social do município passa a ter valor maior que o mesmo programa a nível estadual: R$ 550. Serão R$ 50 a mais na renda mensal de cerca de 200 famílias, que vivem situação complicada com a incerteza do auxílio emergencial e a crise econômica provocada pela pandemia de Covid-19.

“Para se ter uma ideia do impacto na renda das famílias, hoje, o valor do cartão Merenda Certa e do Cartão Imperial é de R$ 70 mensais. E a maioria das famílias também complementam o atual valor do aluguel social com seus próprios recursos, enquanto aguardam políticas habitacionais efetivas. Foi um avanço e tanto, agradeço à Prefeitura e a Câmara pelo trabalho conjunto e valorizo demais a atuação incansável dos movimentos por moradia. Agora lutarei pela aprovação do Renda Básica Petrópolis”, concluiu Yuri.

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin

veja também