Foto: Reprodução/YouTube

Alexandre Garcia é demitido da CNN por defender tratamento precoce contra a covid-19

O jornalista estava trabalhando de casa desde julho do ano passado.
Compartilhe
Compartilhar no facebook
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no twitter

O jornalista Alexandre Garcia não integra mais o quadro de colaboradores da CNN Brasil. A emissora anunciou na noite de sexta-feira (24), por meio de comunicado oficial enviado à imprensa, que optou por rescindir o contrato com o jornalista de 80 anos, que estava trabalhando de casa desde julho do ano passado.

Leia na íntegra o comunicado da CNN Brasil

A CNN Brasil comunica que rescindiu o contrato com o jornalista Alexandre Garcia nesta sexta-feira (24). 

A decisão foi tomada após o comentarista reiterar a defesa do tratamento precoce contra a Covid-19 com o uso de medicamentos sem eficácia comprovada.

O quadro “Liberdade de Opinião” continuará na programação da emissora, dentro do jornal “Novo Dia”.

A CNN Brasil reforça seu compromisso com os fatos e a pluralidade de opiniões, pilares da democracia e do bom jornalismo.

Compartilhe
Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no pinterest
Pinterest
Compartilhar no twitter
Twitter

veja também

Comentários estão fechados.