Créditos: Rupak de Chowdhuri/REUTERS

Alemão Gerd Müeller, 3º maior artilheiro na história das Copas do Mundo, morre aos 75 anos

O ex-atleta fez 68 gols em 62 jogos pela seleção, incluindo o gol da vitória na final da Copa de 1974.
Compartilhe
Compartilhar no facebook
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no twitter

O Bayern de Munique informou nesse domingo (15), que o ex-atacante da Alemanha Ocidental Gerd Müeller, um dos maiores goleadores da história do futebol, apelidado de “Bomber der Nation”, morreu aos 75 anos de idade. 

O ex-atleta marcou 68 gols em 62 jogos pela seleção alemã, incluindo o gol da vitória na final da Copa do Mundo de 1974, e é o terceiro na lista de maiores artilheiros na história do torneio, com 14, atrás do brasileiro Ronaldo (15) e do alemão Miroslav Klose (16). 

“Ele foi o ´Bomber der Nation`, o maior goleador alemão de todos os tempos”, disse a Associação de Futebol da Alemanha (DFB). “Ele estabeleceu recordes que pareciam ter sido feitos para a eternidade, mesmo que alguns deles tenham caído. Ele será para sempre um fenômeno”. 

Chegado aos Bávaros em 1964, Müeller foi um atacante instintivo que era bom pelo alto e rápido nos pés. Marcou 566 gols em 607 partidas ao longo de 15 anos pelo clube, em uma carreira repleta de troféus, que incluíram quatro títulos nacionais, quatro copas alemãs e três copas europeias com o clube. 

Conquistou a chuteira de ouro após marcar 10 gols na Copa do Mundo de 1970 e a Bola de Ouro, de melhor jogador da Europa, no mesmo ano. Uma habilidade de virar e marcar de ângulos aparentemente impossíveis era sua marca registrada. 

O Bayern anunciou em 2015 que o ex-jogador estava gravemente adoecido há algum tempo com o mal de Alzheimer.

Compartilhe
Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no pinterest
Pinterest
Compartilhar no twitter
Twitter

veja também

Comentários estão fechados.