Águas do Imperador investe na automação do tratamento preliminar da ETE Palatinato

Os equipamentos, trazidos por três carretas, chegaram à cidade nesta sexta-feira, (25/09)

Para finalização das obras de melhoria na Estação de Tratamento de Esgoto (ETE) Palatinato, que será no início de outubro, Águas do Imperador instala, neste final de semana, dois PTRATs – equipamento totalmente automatizado para separação de lixos, areia, óleos e graxas, para o tratamento preliminar do esgoto. Os equipamentos, trazidos por três carretas, chegaram à cidade nesta sexta-feira, (25/09) e, em função de seu tamanho, toda operação foi acompanhada por agentes da CPTrans. 

A ETE Palatinato, que teve as obras de melhoria iniciadas em fevereiro desse ano, é segunda maior estação de tratamento de esgoto operada por Águas do Imperador. A estação trata 13,8 milhões de litros/dia de esgoto oriundo do Centro, Morin, Alto da Serra e Rua Teresa. Com a automação do tratamento preliminar, sua operação fica mais ágil, pois poderá ser feita a distância, o que diminui os custos operacionais, além do ganho na qualidade dos efluentes. 

“Os investimentos e a gestão em saneamento são responsáveis pela posição de destaque que Petrópolis ocupa no cenário estadual e nacional, como a 2ª colocada no estado e 20ª no país, de acordo com o ranking do Instituto Trata Brasil. Na melhoria da ETE Palatinato, foram investidos 2 milhões e estamos realizado outros investimentos em ampliação da captação, tratamento e distribuição de água na ETA Araras, e em novas estações de tratamento de esgoto para os próximos anos”,  comentou o superintendente de Águas do Imperador, Marcio Salles. 

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin

veja também