Vitor Garcia / Giro Serra

Acúmulo de lixo e entulho espalhados pelo bairro Floresta

Compartilhe
Compartilhar no facebook
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no twitter

Moradores do bairro Floresta convivem rotineiramente com o acúmulo de lixo nas lixeiras e entulho espalhados pelas principais vias do bairro. Na manhã de hoje (5), a equipe do Giro Serra observou que a falta de lixeiras que possam atender a demanda da população era o principal problema na região, próximo à entrada do bairro, na Estrada da Floresta.

No mesmo local, uma equipe da Comdep estava realizando o plantio em um canteiro na região. Ao lado das plantas, muito lixo e entulho espalhados na calçada, obstruindo a passagem de pedestres. “É uma vergonha conviver com esse lixão. O pior de tudo são os ratos que ficam circulando por aqui”, disse um idoso.

No mesmo local, moradores ainda relatam a ausência de outros serviços. “Um ponto de ônibus que existia por aqui caiu há dois meses e até agora ninguém veio colocar outro no lugar. Ou seja, estamos perdendo o pouco que a gente tinha aqui”, contou um morador.

Vitor Garcia / Giro Serra

Na região, motoristas também reclamam sobre a falta de placas de sinalização, principalmente em curvas fechadas, locais mais propícios para acontecer um acidente.

Procurada, a prefeitura informou por meio de nota que promoveu a remoção de entulho há 20 dias, mas voltará ao local para realizar um novo serviço. Sobre a sinalização no local, os técnicos da CPTrans irão avaliar. Em relação ao ponto de ônibus, a realocação do abrigo está na programação do órgão responsável. Confira a nota da Prefeitura na íntegra:

O canteiro construído no local é uma medida para conscientizar a população e coibir o descarte irregular de entulho. No mesmo espaço, foi feita a instalação de uma tela e um placa indicando proibição do descarte do entulho sobre ruas e calçadas e informando o contato do programa de coleta gratuita, o Disque Entulho. Cabe ressaltar que, ao lado do canteiro, há uma lixeira disponível para uso da população. Ainda assim, a Comdep vai analisar a necessidade de mais lixeiras para atender os moradores.

A Comdep promoveu remoção de entulho no Floresta há 20 dias, mas o local voltará a receber o serviço.

Vale lembrar que o despejo de restos de obras, mato, móveis e eletrodomésticos sobre ruas e calçadas é proibido pelo Código de Posturas do município. A destinação correta é levar o material para o aterro de Pedro do Rio. Quem for flagrado cometendo a irregularidade é intimado a fazer a remoção imediata e recebe multa de R$ 800.

A população pode ajudar a coibir o descarte irregular de entulho denunciando os casos para a Fiscalização de Posturas pelo telefone 2246-9042 e para a Comdep pelo 2292-9500. A Fiscalização de Posturas irá ao local para identificar os responsáveis pela irregularidade.

A Comdep oferece o serviço de recolhimento gratuito de até 20 sacos de entulho por meio do serviço Disque Entulho – os agendamentos podem ser feitos pelo telefone 2243-7822.

A CPTrans irá encaminhar uma equipe de técnicos para avaliar a sinalização no local. A realocação do abrigo do ônibus está na programação do órgão”.

Crédito da foto: Vitor Garcia / Giro Serra

Compartilhe
Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no pinterest
Pinterest
Compartilhar no twitter
Twitter

veja também

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.