60,6% das brasileiras nunca jogaram futebol O motivo? Para uma parcela, simplesmente porque "são mulheres"

Compartilhe
Compartilhar no facebook
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no twitter

Uma consulta realizada com mais de 10 mil pessoas trouxe algumas curiosidades sobre a influência do Futebol na vida da população. “A importância do futebol na vida do Brasileiro” mostra que 60,6% das mulheres nunca jogaram bola, enquanto somente 15% dos homens nunca praticaram o esporte.

A história do futebol está muito atrelada à imagem masculina: na maioria das vezes, torcedores e jogadores são homens. Na recente pesquisa desenvolvida pela Pés Sem Dor, ao serem consultadas da razão pela qual nunca jogaram futebol, uma grande parte das mulheres respondeu frases como:

– “Sou mulher”
– “Na minha época mulher não podia jogar”
– “Não havia times femininos”
– “Sendo do sexo feminino, não gosto e não pratico esse esporte”

– “Por machismo”
– “Sou mulher, mas sempre gostei muito do futebol”
– “Sou menina”.

Mesmo havendo opções de múltipla escolha, mais de 100 respostas similares foram escritas. O especialista e mestre em Fisioterapia Mateus Martinez aponta: não existe qualquer razão física ou anatômica que justifique qualquer inferioridade no corpo feminino. O esporte pode ser intenso, mas não existem quaisquer empecilhos para que as mulheres joguem tanto futebol quanto os homens”.

Para a psicóloga Jéssica Posterli, as razões que impedem as mulheres de praticarem o esporte são sociais: “Estamos diante de um preconceito que está sendo vencido aos poucos. A luta é diária e muito árdua. Infelizmente muitas mulheres ainda não possuem uma liberdade simples como a de jogar bola, por não encontrarem espaço devido ao machismo”, conclui.

O futebol é o esporte mais assistido e praticado no Brasil, seja de forma recreativa ou profissional. A paixão nacional também está associada à lesões nos joelhos, tornozelos e nos pés. Porém, a prática moderada e o uso de chuteiras e palmilhas adequadas garantem diversão e muita saúde às jogadoras e também aos jogadores.

 

Sobre a Pés Sem Dor

A Pés Sem Dor é a primeira a confeccionar palmilhas ortopédicas sob medida em escâneres e impressoras 3D. Foi criada em 2009 pelo americano Thomas Case, que também é fundador da Catho. Possui 35 pontos de atendimento por todo Brasil que realizam exames gratuitos. Já atendeu mais de 70 mil pessoas e conta com parceiros na Alemanha, Inglaterra, Estados Unidos e China

Fonte: Pés Sem Dor Brasil

Compartilhe
Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no pinterest
Pinterest
Compartilhar no twitter
Twitter

veja também

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.