Quem está em busca de recolocação no mercado de trabalho tem um encontro marcado nesta segunda-feira (12.11) na Feira de Empregos que será promovida na prefeitura. Segundo a Secretaria de Desenvolvimento Econômico, aproximadamente 700 vagas serão divulgadas na feira por 31 empresas. É a primeira vez que uma feira nesse estilo e com esse número de vagas é realizada pelo poder público com o auxilio dos empresários e COMTER – Conselho Municipal de Trabalho e Renda e CESP – Conselho de Economia Solidária Popular.

“A intenção é a de aproximar esses dois públicos, tanto os empresários que estão em busca de mão de obra especializada, quanto dos petropolitanos que precisam de uma nova oportunidade. A tendência no aumento de novas contratações é real no fim do ano e é exatamente por isso que as pessoas devem se preparar e procurar saber um pouco mais sobre os processos seletivos das empresas petropolitanas”, afirma o prefeito Bernardo Rossi.

A feira vai ocorrer das 9 às 17h na Casa dos Conselhos Augusto Ângelo Zanatta. A prefeitura recomenda que os interessados se inscrevam no Balcão de Empregos da prefeitura – link disponibilizado no site da prefeitura: www.petropolis.rj.gov.br e também levem os seus currículos. A prefeitura vai disponibilizar, na ocasião, espaços para que entrevistas e processos seletivos sejam realizados no local.

Vinte e seis empresas já confirmaram presença na feira. Entre elas, Rede Pousadeiros, Feirinha de Itaipava, Turb, Comércio da Rua Teresa, Unopar, Bohemia e Armazém do Grão.

A TO Brasil, empresa especializada em recrutamento também vai participar da feira. Na ocasião, a TO Brasil vai divulgar vagas nas seguintes áreas: Engenharia da Computação, Ciência da Computação, Análise de Sistemas, Informática, Gerência de Redes, Sistemas de Informação, Contabilidade, Economia, Estatística e Engenharia de Produção. As contratações fazem parte do programa Jovens Talentos, onde o profissional receberá capacitação intensiva enquanto participa de projetos, liderados por profissionais seniores.

“Achei excelente a ideia dos organizadores, cujo objetivo é contribuir para uma melhor integração dos profissionais no mercado de trabalho. A feira aproxima as empresas daqueles que estão em busca de uma oportunidade de trabalho, dessa forma os candidatos têm a oportunidade de conhecer as empresas e suas ofertas em um só local. Esse contato direto olho no olho com os participantes do evento, é uma forma de transmitir seriedade e transparência dos nossos serviços”, explica o representante da empresa, Marcelo Esteves.

A empresa Serviplan – que atua no ramo de conservação e limpeza – também participará da feira. No evento eles terão oportunidade de atualizar o banco de currículos da empresa e deixar a mostra as 14 vagas que estão precisando ser ocupadas.

“A ideia de se estruturar uma feira de empregos foi excelente. Teremos a oportunidade de conhecer pessoas novas, atualizar nosso cadastro de currículos e mostrar que há vagas para serem preenchidas. As vezes a vaga existe e não encontramos profissional ideal para preenche-la”, contou Anderson Oliveira, coordenador de RH da Serviplan. Segundo Anderson, atualmente, na empresa, há 3 vagas técnicas e 11 vagas operacionais precisando de ocupação.

Final de ano promissor
Segundo o Departamento de Trabalho e Renda da Secretaria de Desenvolvimento Econômico, o número de Carteiras de Trabalho emitidas nos últimos meses pode ser um reflexo positivo da geração de empregos. De janeiro a outubro, foram aproximadamente quatro mil carteiras de trabalho emitidas.

“As empresas petropolitanas terão a oportunidade de destacar suas vagas e orientar os candidatos sobre a necessidade de especialização para cada cargo, segundo as especificações da empresa. Isso é muito importante porque contribui para esse cenário de movimento econômico. Estamos observando que o número de vagas ofertadas tem aumentado nesses últimos meses e a quantidade de carteiras de trabalho emitidas nesse ano através do Departamento de Trabalho e Renda também revela o otimismo dos empresários”, explica o diretor Gil Magno.

Vale destacar ainda que, um dos grandes motivadores para o aumento na oferta de vagas no final do ano é o Natal.
“Na nossa cidade, graças à programação vasta do Natal Imperial, os setores investem na contratação de mão de obra, desde o comércio, até a cadeia hoteleira e gastronômica. Só para atender a demanda especifica do Natal, devem ser criados cerca de 600 postos de trabalho”, explica o secretário de Desenvolvimento Econômico, Marcelo Fiorini.

Divulgação de cursos gratuitos
Outros serviços também serão ofertados durante a Feira de Empregos como a expedição de Carteira do Trabalho, cadastro de currículos no Balcão de Empregos e concessão de microcrédito pela AgeRio. Além disso, será realizada a divulgação de cursos gratuitos de qualificação e requalificação profissional oferecidos pela Setrab, Faetec, Sistema S (Sebrae, Senai, Senac), incluindo cursos alfabetização de jovens e adultos (EJA) e de graduação superior oferecidos pelas universidades locais.

Cadastro gratuito de vagas e currículos no Balcão de Empregos
Vale salientar que a prefeitura mantém um canal direto de cadastro de currículos e de vagas das empresas petropolitanas – Balcão de Empregos. Em média, o Balcão recebe 500 novos currículos por mês. Nesse ano foram 4.796 currículos cadastrados, 208 vagas divulgadas e 1.402 candidatos encaminhados para entrevistas. Durante a feira a equipe do Detra estará fazendo o cadastro no Balcão de quem ainda não se inscreveu no canal.
“É importante que os petropolitanos que estão em busca de uma nova oportunidade no mercado de trabalho se inscrevam no Balcão de Empregos e mantenham as informações atualizadas. As empresas interessadas em cadastrar suas vagas também podem procurar o Detra. O serviço é totalmente gratuito”, explica Gil Magno.

Fonte: Prefeitura de Petrópolis