O grupo Swing e Simpatia fechou com chave de ouro a programação da 29ª Expo Agropecuária, na noite deste domingo (06.05). Ao longo de seis dias de festa, mais de 100 mil pessoas passaram pelo Parque Municipal, em Itaipava. A estimativa é de que o evento tenha movimentado mais de R$ 3 milhões e gerado cerca de 700 empregos diretos, com os shows, praças de alimentação, parque de diversões e feiras.Comércio e hotelaria em Itaipava e região também comemoram. No último fim de semana da festa, por exemplo, do 2º ao 5º distrito da cidade, entre Cascatinha e Posse, a cidade registrou quase 70% de ocupação hoteleira, alguns hotéis chegaram a ficar lotados.

A festa, já tradicional na cidade, este ano contou com 28 estandes no Galpão do Produtor Rural, com produtos artesanais, como geléias e compotas. Todos ligados à agricultura familiar vindos do Brejal, Bonfim Vale das Videiras e Secretário, representando os cerca de 800 produtores rurais da cidade. Além disso, também teve novidades em parceria com empresários do ramo de alimentação, como o lançamento, durante a festa, do sonho salgado. Comidinhas da roça, da Fazenda Pedras Altas, e as exposições e leilões de cavalos fortaleceram o clima rural no armazém montado para a Expo.

“Foi uma festa linda. Exaltamos nossa vocação rural e agropecuária, com nossos produtores, e ainda trazendo duas importantes exposições de equinos, das raças pampa e campolina. Além disso, foi uma festa para a família, vimos os pais levando as crianças para passear, se divertirem no parque, conhecendo os animais. E a noite muitos ficavam para curtir os shows, ao lado da garotada, que aproveitou cada atração. São Pedro ainda ajudou e tivemos todos os dias de céu azul”, destaca o prefeito Bernardo Rossi.

No setor agropecuário, a festa movimentou R$ 1,150 milhões só com os dois leilões – do cavalo pampa e do campolina, com a venda de 52 animais. O mais caro foi vendido por quase R$ 100 mil. Criadores e funcionários dos haras que participaram das duas exposições, vindos de diversos estados do país, como São Paulo e Minas Gerais, ficaram hospedados em hotéis da região e movimentaram o trade turístico.

“Vimos um movimento grande em Itaipava e região por conta da festa. Cada evento que realizamos na cidade, mesmo aqueles que são voltados para os petropolitanos, também são importantes para o turismo, porque se tornam um atrativo a mais no município. E faz com que o turista permaneça mais tempo na cidade. Tivemos hotéis com 100% de ocupação nos fins de semana do evento. A festa foi um sucesso, e ajudou a aquecer nossa economia”, explica o secretário da Turispetro, Marcelo Valente.

O evento também movimentou outros produtos da festa, como os 12 estandes da Feira de Artesanato, parque de diversão e mais de 50 barraquinhas e carrocinhas com uma variedade de quitutes típicos da exposição agropecuária. Além disso, ao todo, foram sete shows no palco principal, com atrações do sertanejo e do pagode; além de 20 atrações no Palco Petrópolis, que contou, principalmente, com bandas e artistas da cidade de diversos ritmos, como samba, rock, MPB e sertanejo.

“Conseguimos trazer atrações para todos os gostos e vimos um público realmente diversificado na festa, de todas as idades. As atrações do Palco Petrópolis ajudaram a aquecer o público para os shows do palco principal e fizeram sucesso. Apresentações como de Lucas Israel e Gabriel Silva estiveram lotados. É muito importante que em cada evento nossos artistas também sejam valorizados”, frisa o diretor-presidente do Instituto Municipal de Cultura e Esportes, Leonardo Randolfo.

Carisma do Swing & Simpatia encantou o público no último dia de festa
O pagode do Swing & Simpatia fez o público encerrar a 29ª Expo Agropecuária cantando e dançando sucessos da carreira do grupo e clássicos do estilo. Como o próprio nome deles já adianta, a simpatia dos meninos de Nova Iguaçu esteve entre os pontos altos do show. Eles conversaram com a plateia e até chamaram uma criança para subir ao palco, que ganhou um buquê de flores do vocalista, Luciano Becker. No repertório, o público cantou e dançou ao som de sucessos do grupo, como a música “Encaixe Perfeito”, que fez parte da trilha sonora da novela global “Celebridades”, além de “Toda Noite”, entre outras.

No fim do show, Luciano contou que já esteve diversas vezes em Petrópolis e que uma parte importante da história da banda aconteceu na cidade, na extinta boate Big House. “A boate foi um momento ímpar na história do Swing & Simpatia. Ensaiamos a primeira música de trabalho a nível nacional do grupo na Big House, antes de colocar a voz. Nós tocávamos lá de 15 em 15 dias. Temos uma história muito bacana e muito positiva da cidade. Estou muito feliz de estar aqui, o show foi maravilhoso, o público nos recebeu de braços abertos. Fizemos um show histórico hoje aqui e se eu fosse descrever em uma palavra, ela seria ‘surreal’”, disse.

Para o público, a festa foi encerrada com chave de ouro. A microempreendedora Mônica Ferreira, que é mãe da Isadora Ferreira, de sete anos, que ganhou o buque de rosas do grupo, disse que aproveitou o domingo para a levar a filha no parque e ficou até mais tarde para o show. “Ela quis ficar e cantou e dançou o show inteiro. Estamos até sem voz. E desde o início ela falou que queria ganhar o buquê deles”, disse. “Sou muito fã e adoro as músicas deles, queria ganhar o buquê para dar para a minha mãe, porque está chegando o Dia das Mães”, completou a pequena.

Mais cedo, o último dia de festa ficou por conta de Mônica Campos, o Quarteto Pop Music, o Trio Minuet, Felipe Depoli, Forró Giro, e o ex-participante do The Voice Gabriel Silva no Palco Petrópolis.

Fonte: Turispetro

Crédito da foto: Edgar Pujol