23 alunos da rede municipal são premiados no Festival Mulher Poesia e Crônica

Compartilhe
Compartilhar no facebook
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no twitter

Mais de 60 escolas da rede municipal de educação participaram do 1º Festival Mulher Poesia e Crônica. Foram escolhidas redações de 12 unidades de ensino, premiando 23 alunos, com medalhas e certificados. A ação faz parte da programação das comemorações do mês da mulher, realizadas pelo Gabinete da Cidadania. Um dos temas das poesias eram emponderamento e respeito às mulheres.

Foram premiados pelo concurso alunos matriculados no 4º e o 5º ano do ensino fundamental das escolas: Paroquial Nossa Senhora de Fátima, São João Batista, São José do Caetitu, Educandário Terra Santa, Dr. Rubens de Castro Bomtempo, Abelardo de Lamare, Germano Valente, Amélia Antunes Rabello, Avelino de Carvalho, Clemente Fernandes, Governador Marcello Alencar e Comunidade São Jorge.

“Esta parceria com a Secretaria de Educação foi maravilhosa. Conseguimos mobilizar os alunos que são os homens e mulheres do nosso futuro. A violência contra mulher é um assunto que precisa ser abordado para que as novas gerações sejam conscientes de que isso deve acabar”, destacou a coordenadora do Gabinete da Cidadania, Anna Maria Rattes.

A diretora da Escola Municipal Abelardo De Lamare, Jaqueline Fraguas, contou que a unidade de ensino participou de várias ações do mês da mulher e que a participação dos alunos foi muito expressiva. “Nós abraçamos a causa da mulher e realizamos atividade para toda escola. Os maiores participaram do festival e foi um incentivo à leitura e escrita. A premiação estimulou todos os alunos”, disse a diretora, que dará prosseguimento ao Festival ainda na escola com a participação de todos os alunos da escola.

“Estou muito emocionada com a premiação do meu filho. Nunca imaginei que participaria de um evento assim. Estou muito feliz em incentivar meu filho e ver o resultado hoje. Esse incentivo não existe no meio em que eu vivo, moro longe da escola, mas faço questão que meus filhos estudem”, contou a mãe de um aluno premiado pela EM Abelardo De Lamare, Bianca da Costa.

Compartilhe
Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no pinterest
Pinterest
Compartilhar no twitter
Twitter

veja também

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.