Prefeitura avança na recuperação de estradas do Brejal

A intenção é recuperar até agosto mais de 100 quilômetros de vias vicinais na região produtora da Posse e adjacências.
Compartilhe
Compartilhar no facebook
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no twitter

O prefeito interino Hingo Hammes vistoriou nesta terça-feira (20) o andamento do trabalho de recuperação de estradas vicinais do Brejal e região, no distrito da Posse. As intervenções do governo municipal, que reestabeleceram um cronograma de trabalho para mais de 100 quilômetros de vias na zona rural – elaborado em acordo com o Comitê de Estradas do Brejal, começaram no início do ano e estão melhorando o acesso de produtores e moradores depois de quase quatro anos sem um calendário organizado de serviços.

“Organizamos comitês com a comunidade, que vem ajudando o município na definição das estradas que precisam ter prioridade. Com isso, já pavimentamos estradas importantes como a do Rio Bonito, do Xingu e seguimos avançando, com quase 75% do trabalho já finalizado. Voltamos a fazer na região um trabalho organizado e extenso de recuperação de estradas como era feito antes, no convênio com a Emater – RJ”, ressaltou o Hammes.

Ao lado do vereador Ronaldo Ramos, o prefeito esteve na Estrada da Cachoeirinha, onde é realizada a recuperação de quatro quilômetros de via. “Primeiro a motoniveladora (patrol) corrigiu as irregularidades da pista, nivelando o piso. Acontece hoje o trabalho com a retroescavadeira, para a retirada da terra que acaba se sedimentando nas margens da pista, o que evita que esse material volte para o piso sob uma chuva. O próximo passo é a aplicação de raspa de asfalto”, informou o engenheiro da secretaria de Obras, Vitor Augusto Kreischer, que informa ainda que as intervenções contam ainda com trabalho de roçada.

A raspa de asfalto, que vem sendo retirada do trabalho de recuperação da Estrada União e Indústria e da BR-040 também já ajudou a pavimentar outros importantes trechos das estradas na região do Brejal. “Só na estrada Rio bonito foram cinco. No Brejal, como um todo, serão 86 quilômetros de vias recuperadas. São dezesseis estradas, que ajudam a escoar a produção local. O trabalho, no entanto, também inclui outras estradas da região, como a Taquaril”, esclarece o secretário de Obras, Maurício Veiga.

Além do Taquaril, o trabalho inclui o Paiolinho e trechos da Granja Cláudia e Mata Cavalos. Já no Brejal, são: Santa Matilde (5km); Albertos (8km); Quisséis (4km); Cachoeirinha (4km); Santa Maria (5km); Avelino de Carvalho (500m); Targinos (4km); Arnaldo Dyckerhoff (6km); Caboclos (2km); Sossego (1km); Rio Bonito (5km); Xingú (11km); Contrões (8km); Pilatos (3km); e Cruzeiro (8km).

A previsão, levando em consideração as condições climáticas, é de que o trabalho possa ser concluído até o fim de agosto. “É muito importante lembrar que já há alguns anos não acontecia um trabalho de recuperação de 100% das estradas da região antes períod das chuvas. E ainda tivemos que lidar com a quebra da nossa patrol no início do trabalho, o que atrasou o cronograma. Mas, desde junho, o trabalho vem ocorrendo de forma intensa”, ressalta o secretário de Obras, que lembrou ainda que parte do trabalho (cerca de sete quilômetros de estradas) foi realizado pelo Departamento de Estradas de Rodagem – DER, em uma parceria com o município.

Compartilhe
Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no pinterest
Pinterest
Compartilhar no twitter
Twitter

veja também

Comentários estão fechados.