Polícia Civil realiza operação em busca de músicas inéditas de Renato Russo

As investigações tiveram início após a denúncia do filho do artista, detentor dos direitos autorais do cantor.
Compartilhe
Compartilhar no facebook
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no twitter

Policiais da Delegacia de Repressão aos Crimes Contra a Propriedade Imaterial (DRCPIM) realizam, nesta segunda-feira (26/10), a Operação “Será?”, que busca identificar e localizar possíveis obras inéditas do cantor e compositor Renato Russo. Os agentes cumprem mandados de busca e apreensão.

A ação é resultado de um ano de investigações que apontam que o proprietário de um estúdio de gravação do Rio de Janeiro estaria, supostamente, ocultando músicas inéditas do artista. Esse estúdio foi usado por Renato Russo em seus últimos anos de vida.

As investigações tiveram início após a denúncia do filho do artista, detentor dos direitos autorais do cantor.

Morto em 1996, Renato Russo, nome artístico de Renato Manfredini Júnior, foi fundador da banda Legião Urbana, uma das principais surgidas na década de 1980, além de ter tido carreira solo e músicas gravadas por diversos artistas.

Compartilhe
Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no pinterest
Pinterest
Compartilhar no twitter
Twitter

veja também

Comentários estão fechados.