PCERJ

Polícia Civil prende motorista de aplicativo acusado de estuprar passageira

Crime aconteceu durante corrida, em Duque de Caxias
Compartilhe
Compartilhar no facebook
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no twitter

A equipe da Delegacia de Atendimento à Mulher (Deam) de Duque de Caxias prendeu, nesta terça-feira (09/03), um motorista de aplicativo acusado de estuprar uma passageira durante uma corrida em Duque de Caxias, na Baixada Fluminense. O caso aconteceu na madrugada do dia 14 de dezembro do ano passado, quando a vítima solicitou uma viagem próximo a um shopping, na Rodovia Washington Luiz.

Segundo a titular da Deam de Duque de Caxias, delegada Fernanda Fernandes, antes de praticar o abuso, o acusado contou à vítima que havia roubado o veículo e que precisava de dinheiro. Após o crime, a mulher foi abandonada perto do mesmo local do início da corrida. O fato foi registrado na Delegacia e as investigações iniciaram. Uma parente da mulher também denunciou o caso em uma rede social e outras vítimas o identificaram após a publicação. – O pedido de prisão foi solicitado junto à Justiça e decretado. Diligências foram realizadas e o acusado foi localizado e preso na casa da mãe dele. A partir da prisão, acreditamos que outras vítimas devem reconhecer e denunciar o suspeito – disse a titular da Deam de Duque de Caxias, delegada Fernanda Fernandes.

Compartilhe
Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no pinterest
Pinterest
Compartilhar no twitter
Twitter

veja também

Comentários estão fechados.