José Cruz/Agência Brasil

Pesquisa diz que Bolsonaro venceria Lula se eleições fossem nesta terça-feira (9)

A pesquisa foi realizada em um cenário sem o apresentador Luciano Huck.
Compartilhe
Compartilhar no facebook
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no twitter

O ex-presidente Lula teria 18% das intenções de voto caso a eleição para sucessão presidencial acontecesse nesta terça-feira, 9. O petista perderia apenas para o presidente Jair Bolsonaro, que teria 32% das intenções, afirma o levantamento do Instituto Paraná Pesquisas divulgado na última sexta-feira, 5. Os dados foram levantados entre os dias 25 de fevereiro e 1º de março.

Segundo os dados analisados pelo instituto, no quarto cenário analisado, Lula estaria na frente do ex-ministro Sergio Moro (11,6%). Na sequência, ele passaria de Ciro Gomes (8,7%), João Doria (5,3%), Guilherme Boulos (3,5%), João Amoedo (3,0%) e Luiz Henrique Mandetta (1,4%). Nos demais cenários, Bolsonaro ganha a disputa. 

Não sabe/Não respondeu – 4,3%
Nenhum/Branco /Nulo – 12,0%
Jair Bolsonaro – 32,2%
Lula – 18,0%
Sérgio Moro – 11,6%
Cid Gomes – 8,7%
João Dória – 5,3%
Guilherme Boulos – 3,5%
João Amoêdo – 3,0%
Mandetta – 1,4%

A pesquisa foi realizada por meio de ligações telefônicas. Foram consideradas entrevistas com 2.080 eleitores de 196 municípios, das 27 unidades da Federação. A margem de erro é de 2 pontos percentuais e o nível de confiança é estimado em 95%.

Na última segunda-feira, 8, após decisão do ministro do Supremo Tribunal Federal (STF), Edson Fachin, de anular todas as suas condenações ocasionadas pela Operação Lava Jato, o petista voltou a ser elegível, já que não é enquadrado na Lei da Ficha Limpa. Agora, Lula poderá ser um dos principais adversário de Bolsonaro nas urnas em 2022.

Compartilhe
Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no pinterest
Pinterest
Compartilhar no twitter
Twitter

veja também

Comentários estão fechados.