Partida entre Fluminense e Cerro Porteño é adiada, devido a morte do filho do treinador da equipe paraguaia.

Alexsandro Javier Arce morreu na manhã desse domingo (18), em grave acidente de carro.
Compartilhe
Compartilhar no facebook
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no twitter

A partida entre Fluminense e Cerro Porteño, válida pelo jogo de volta das oitavas de final da Libertadores, foi adiada, devido ao falecimento do filho do técnico da equipe paraguaia, Alexsandro Javier Arce, em um grave acidente de carro. O pedido de adiamento dos paraguaios, foi acatado pelo Tricolor e o jogo foi remarcado para o dia 03 de agosto.

De acordo com diversos veículos da imprensa local, o carro atingiu em cheio uma árvore á beira da estrada Silvio Pettirossi, em frente ao Parque Ñu Guasu, por volta das 6h30 (horário local), desse domingo (18). O jovem não resistiu aos ferimentos e quando os bombeiros chegaram, ele já não tinha mais sinais de vida.

Francisco Arce, teria sido chamado ao local, onde reconheceu o corpo do filho. O ex-jogador de Palmeiras e Grêmio está no comando do Cerro Porteño, e, atualmente, disputa as oitavas de final da Libertadores contra o Fluminense. O time brasileiro venceu o primeiro jogo por 2 a 0.

Compartilhe
Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no pinterest
Pinterest
Compartilhar no twitter
Twitter

veja também

Comentários estão fechados.