Os efeitos do estresse na saúde bucal

Você sabia que seu bem-estar e sua saúde mental estão diretamente ligados a saúde da sua boca?! Além da alimentação a boca é um dos fatores que mais interferem no equilíbrio do organismo.

A saúde emocional pode interferir em todo o organismo e causar diversos problemas. Na saúde bucal, não é diferente, o estresse e a ansiedade são as principais responsável pelo desenvolvimento de várias patologias.

Constantemente as pessoas passam por cobranças e situações estressantes: falta de tempo, crise financeira, problemas familiares, trânsito e todos esses gatilhos trazem consequências. 

Como o estresse interfere na sua saúde?

Quando colocados em situação de estresse, como os gatilhos citados, o corpo começa a responder com liberação de hormônios, como: adrenalina, aumento de pressão arterial e aceleração de batimentos cardíacos e da respiração.

Essas reações trazem consequências para o organismo, as mais comuns são queda de imunidade, inflação no organismo e transtorno de sono e humor.

Com o passar do tempo, essas consequências começam a se agravar e algumas pessoas passam a sentir indisposição, ter falta de energia, hipertensão e até mesmo problema de pele.

Por isso, é tão importante ter atenção no corpo, quando algo não vai bem ou está sobrecarregado, ele dá sinais.

E se ignorado, pode atingir o sistema imunológico e trazendo diversas doenças inclusive doenças bucais, além de atingir o sistema nervoso e o comportamento. 

E quando se trata da saúde bucal?

Você pode estar se perguntando, como o estresse pode trazer problemas para a saúde bucal, não é mesmo?! O que uma coisa tem a ver com a outra?

Bom, primeiro que todo o organismo faz parte de um mesmo sistema, então quando uma das partes se sobrecarrega, traz consequência para as demais. E é isso que acontece. 

O estresse desencadeia um efeito pró-inflamatório que, quando unido com maus hábitos de higiene bucal, proporciona um ambiente ideal para o aparecimento de doenças periodontais e aftas. 

Além disso, pessoas com alto nível de estresse, geralmente, tendem a adquirir maus hábitos, ou então intensificá-los, o que prejudica ainda mais a saúde bucal.

Como por exemplo: consumo de álcool, tabaco, alto nível de açúcar ou alimentos gordurosos e negligência com a higiene oral. Isso pode ocasionar, principalmente, em:

  • Bruxismo: hábito de ranger os dentes, em sua maioria durante o sono, causa desgaste dos dentes, danos ao tecido gengival e dores de cabeça e pescoço. Pode ser tratado com aparelho para bruxismo.
  • Gengivite: com a negligência da saúde bucal, surgem as placas bacterianas, que causam sangramento e mau hábito devido a inflamação gengival.
  • Periodontite: a gengivite quando não é tratada, evolui para a periodontite, com a inflamação atingindo os tecidos de suporte dos dentes. Diferente da gengivite, nesse caso pode causar até buraco na gengiva e levar a perda dos dentes. 
  • Aftas: ocasionada principalmente pela baixa imunidade, essa inflamação além de dolorosa, é um canal aberto para a entrada de vírus e bactérias.
  • Boca seca: um dos principais fatores da doença é o estresse, impactando na produção de saliva. Também conhecido como xerostomia, pode agravar e levar ao surgimento da periodontite e cáries.

Um ponto importante de ser levado em consideração é sobre o procedimento de clareamento dental, antes era muito discutido sobre ele prejudicar ou não a saúde bucal, por causar maior sensibilidade e na gengiva.

Mas ele não traz nenhum dano e é um procedimento seguro, desde que feito com um acompanhamento profissional.

Pode ser realizado por bisnaga de clareamento ou pelo procedimento no consultório, mas é preciso ser seguido pelas orientações de um dentista com base no seu caso. Além disso, os valores variam, então mesmo não sendo exato é bom buscar por “clareamento dental preço” para se basear.

Controle seu estresse

É comum se deparar com situações irritantes durante o seu dia, devido a constante correria e cobrança, porém se o estresse tem sido constante em sua rotina, é importante buscar por ajuda, antes que ele afete sua saúde. 

Além disso, procurar um tempo para cuidar de si mesmo e fazer atividades que te tragam paz e tranquilidade, para aliviar essa tensão, como yoga, meditação, correr ou apenas ouviu uma música que te acalme ou assistir um filme.

O importante é separar um tempo para se acalmar e relaxar.

Você também pode seguir algumas dicas que ajudam a prevenir o estresse, como:

  • Tenha boas noites de sono
  • Cuide da saúde
  • Cuida da sua alimentação
  • Faça atividades físicas
  • Tenha momentos de prazer

Lembrando que, a irritação e agitação em um dia mais corrido ou não tão bom, é apenas nervoso.

O estresse é um distúrbio que surge em resposta hormonal e psicológica de uma situação de adaptação, tome cuidado para não confundir e ao sentir os sintomas, consulte um profissional. 

 

Conteúdo produzido pela Giulia Vaz, um escritor na empresa Clínica Dental

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin

veja também