Roberto Leal morreu aos 67 anos. O cantor lutava contra um cancro há dois anos, uma doença que o impedia de andar e lhe afetava a visão. A informação foi avançada por José Cesário, antigo secretário de Estado das Comunidades e da Administração Local, à TSF. O homem alegou que Roberto Leal morreu esta madrugada. “Hoje acordamos com um enorme choque.

O cantor que nasceu em Macedo de Cavaleiros, e que emigrou para o Brasil ainda criança, estava internado desde quarta-feira, acabando por morrer na madrugada deste domingo.

O artista estava internado desde o dia 11 no Hospital Samaritano para se recuperar de uma reação alérgica. A causa da morte ainda não foi divulgada, mas a assessoria de imprensa da rede médica confirmou a morte dele.