Mais de 40% das 800 mil mortes por Covid-19 na América Latina são do Brasil

Segundo a AFP, a região registra 800.099 mortes, já o balanço da OMS indica que as mortes na América Latina chegam a mais de 800,3 mil registros.
Compartilhe
Compartilhar no facebook
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no twitter

A América Latina e o Caribe ultrapassaram a marca de 800 mil mortes pela Covid-19 nesta terça-feira (6), além de mais de 25 milhões de infectados, segundo balanço da agência de notícias AFP e números da Organização Mundial da Saúde (OMS).


Segundo a AFP, a região registra 800.099 mortes, já o balanço da OMS indica que as mortes na América Latina chegam a mais de 800,3 mil registros.


A situação é pior no Brasil. Com mais de 331,5 mil vítimas fatais, o país concentra mais de 41% de todas as mortes na região. No mundo, o Brasil é superado em número absoluto de óbitos apenas pelos Estados Unidos, que registram mais de 551 mil mortes, de acordo com a OMS.


Baixa vigilância sobre variantes na América Latina vira ameaça ao mundo


América Latina: região foi a mais afetada pela Covid-19 em 2020 e deve ser também em 2021, prevê Banco Mundial
Quase 89% das mortes na região estão concentradas em apenas cinco países. São eles: Brasil, México, Colômbia, Argentina e Peru.


O México é o segundo mais afetado na América Latina. Acredita-se, depois de uma revisão dos dados pelo ministério da Saúde mexicano, que mais de 321 mil pessoas tenham morrido de Covid-19 no país até março
Logo em seguida vem a Colômbia (64.293 mortes), Argentina (56.471) e Peru (53.138), de acordo com a AFP.
Avanço da pandemia na América Latina


Os primeiros 100 mil mortos pela Covid-19 na América Latina foram registrados em 24 de junho de 2020. Em pouco mais de um mês, o número dobrou e em 2 de agosto a região registrou 200 mil mortos pela Covid. Três meses depois, esse número dobrou mais uma vez e as mortes chegaram a 400 mil mortes na América Latina em 2 de novembro.


Enquanto foram necessários oito meses para a América Latina registrar 400 mil mortes pela Covid (março a novembro de 2020), as outras 400 mil mortes ocorreram em apenas 5 meses, chegando a mais de 800 mil óbitos neste 6 de abril.


Em todo mundo, já são mais de 2,8 milhões de mortes pelo coronavírus e mais de 131,3 milhões de casos, apontam dados da OMS.

Compartilhe
Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no pinterest
Pinterest
Compartilhar no twitter
Twitter

veja também

Comentários estão fechados.