Foto: Divulgação

Governo do estado do Rio e Volkswagen debatem produção de caminhões elétricos

Ao todo, a companhia investiu R$ 150 milhões no desenvolvimento do modelo e em seu complexo produtivo.
Compartilhe
Compartilhar no facebook
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no twitter

A companhia iniciou, em junho, na fábrica em Resende, no Sul Fluminense, a produção do modelo e-Delivery, o primeiro caminhão elétrico totalmente desenvolvido, concebido e aprovado no Brasil pela montadora. Ao todo, a companhia investiu R$ 150 milhões no desenvolvimento do modelo e em seu complexo produtivo.

– Todo caminhão da Volkswagen que roda no mundo, nasce no Rio de Janeiro. E agora, os primeiros caminhões elétricos são fabricados 100% no Estado – comemorou o secretário de Desenvolvimento Econômico Vinicius Farah.

O secretário lembrou as metas do governador Claudio Castro de  fazer com que as emissões líquidas de gases que causam o efeito estufa sejam totalmente neutralizadas até o ano de 2045.

Esta semana, a empresa entregou a primeira unidade que vai chegar às ruas. O modelo faz parte de um lote de 100 unidades adquiridas pela Ambev. A cervejaria já assinou intenção de compra de 1.600 unidades até 2025.

No fim do ano passado, a Volkswagen Caminhões e Ônibus anunciou o maior ciclo de investimentos de sua história no Rio de Janeiro, R$ 2 bilhões no período de 2021 a 2025.

– Sem dúvida, acertamos em cheio ao estabelecer a fábrica no Rio de Janeiro e inaugurar um novo polo automotivo para o país. E vamos continuar investindo no Estado por muito tempo – ressaltou o diretor de Relações Governamentais e Institucionais da Volkswagen Caminhões e Ônibus, Marco Saltini.

Fonte: Governo do Estado

Compartilhe
Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no pinterest
Pinterest
Compartilhar no twitter
Twitter

veja também

Comentários estão fechados.