BIE - Banco de Imagens Externas - Rotina de trabalho da farmácia da ASCADE localizada na Câmara dos Deputados. A MP 653, altera a Lei nº 13.021, de 8 de agosto de 2014, que dispõe sobre o exercício e a fiscalização das atividades farmacêuticas. Foto: Jefferson Rudy/Agência Senado

Famosa rede de drogarias abrirá filiais em todo o estado do Rio, uma já está em Petrópolis

A informação foi dada nesta semana por executivos do grupo, em reunião com representantes do Governo do Estado do Rio de Janeiro.
Compartilhe
Compartilhar no facebook
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no twitter

A rede Venancio vai abrir 30 novas lojas no Rio de Janeiro, nos próximos 24 meses. A informação foi dada nesta semana por executivos do grupo, em reunião com representantes do Governo do Estado do Rio de Janeiro. 


– Esses investimentos são uma demonstração de confiança no Rio de Janeiro e nesse novo momento que o governador Cláudio Castro está construindo para o Estado. Essa é uma ótima notícia e um fato muito importante, um grupo carioca que quer e está investindo no Estado – comemorou o secretário de Desenvolvimento Econômico, Vinicius Farah.


Atualmente, a rede conta com cerca de 4 mil colaboradores e possui 93 lojas espalhadas por diferentes bairros da cidade e em outros municípios como Niterói, Duque de Caxias, Nova Iguaçu e Petrópolis (Itaipava). Segundo o ranking da Abrafarma (Associação Brasileira de Redes de Farmácias e Drogarias), a Venancio é a 9ª rede em vendas no país.


– Somos uma empresa do Rio de Janeiro e vamos investir toda nossa força e recursos no Estado – afirmou Armando Arhmed, presidente da Drogaria Venancio. 


Em abril, a Venancio inaugurou sua primeira usina de geração de energia solar. Localizada em Barra do Piraí, a unidade é capaz de capturar 918 toneladas de CO2, equivalente ao consumo elétrico de 4 mil residências. A usina irá gerar energia para suprir 50 lojas físicas, em um primeiro momento.


–Estamos com o projeto pronto da segunda unidade de geração de energia, também no Rio de Janeiro –  Arhmed.

Fonte: Governo do Estado

Compartilhe
Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no pinterest
Pinterest
Compartilhar no twitter
Twitter

veja também

Comentários estão fechados.