Detro-RJ registrou 204 multas ao longo do mês de março no Estado

As operações ocorreram em todo estado, visando a melhoria da qualidade e da segurança do serviço para o cidadão, além da coibição do transporte irregular.
Compartilhe
Compartilhar no facebook
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no twitter

O Departamento de Transportes Rodoviários do Estado do Rio de Janeiro (Detro-RJ) encerrou o mês de março com 204 multas aplicadas. Desse total, 101 foram registradas em ônibus, 41 em vans intermunicipais e 62 em veículos particulares flagrados realizando transporte remunerado sem autorização do poder concedente. As operações ocorreram em todo estado, visando a melhoria da qualidade e da segurança do serviço para o cidadão, além da coibição do transporte irregular.

As principais irregularidades flagradas em ônibus foram a falta do documento de porte obrigatório, o não cumprimento do quadro de horário, o mau estado de conservação do veículo e o descumprimento de normas de acessibilidade e de higienização. Entre os motivos mais recorrentes nas vans estão o excesso de passageiros, a alteração de itinerário e o embarque de passageiros ao longo do trajeto.

A população pode denunciar irregularidades no transporte intermunicipal na Ouvidoria  pelo e-mail – ouvidoria@detro.rj.gov.br. Além das ações de inteligência, as informações ajudam a nortear as ações de fiscalização.

Barreiras sanitárias têm 981 veículos fiscalizados
 Agentes do Detro-RJ e da Polícia Militar vistoriaram 981 veículos nas barreiras sanitárias em apoio às Prefeituras durante o período de 26/03 a 01/04. Além disso, 38 veículos foram impedidos de entrar nos municípios e 15, multados. 

A equipe atuou em Paraty, Angra dos Reis, Rio das Ostras, Campos, Macaé, além de vários pontos da capital. Ao todo, a operação envolveu 48 agentes e 32 viaturas em sete dias de bloqueios sanitários.

Além das fiscalizações para coibir o transporte de fretamento nos acessos aos municípios que solicitaram apoio do Detro-RJ, os agentes verificaram o uso de máscara e a disponibilização de álcool em gel nos transportes regulares.

Fonte: Divulgação

Compartilhe
Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no pinterest
Pinterest
Compartilhar no twitter
Twitter

veja também

Comentários estão fechados.