Comunidade da 24 de Maio carece de reformas e Prefeitura confirma atuação na localidade

A Comunidade da 24 de Maio, assim como diversas outras comunidades de Petrópolis, tem sofrido com as chuvas, mas também com problemas de infraestrutura. Mesmo antes destas últimas chuvas as vias estavam esburacadas e quando ocorria alguma manutenção, jogava-se pó de pedra nos buracos e a solução definitiva nunca era providenciada.

De acordo com o morador Diogo Edson da Silva, a quadra que fica na comunidade está com o telhado vazando, impedindo o uso pela comunidade nos períodos de chuva. Ele afirma que o Morro do Estado, que está localizado na servidão 168 da Rua 24 de Maio, há anos não recebe manutenção envolvendo contenção de encostas. Os corrimãos, instalados nas escadas, estão quebrados, escadas com degraus danificados e, inclusive, em alguns pontos com desvio da água da chuva para casas nas proximidades.

Ainda há mais reclamação:

Carros abandonados: há carros parados e abandonados nas calçadas, atrapalhando a circulação de pedestres que acabam sendo obrigados a utilizar a rua.

Calçadas irregulares: a calçada que fica em frente a creche está danificada, colocando em risco principalmente as crianças que entram e saem da unidade de ensino.

Lixo: as caçambas de lixo estão deterioradas e nunca foram trocadas, apesar do apelo da comunidade.

Equipamentos da praça: equipamentos para ginástica, instaladas na praça da comunidade, estão completamente danificados e sem uso.

Através de uma nota, a Prefeitura de Petrópolis informa que a Rua 24 de Maio foi atendida recentemente através do programa Prefeitura Presente e que a localidade voltará a ser visitada pelo serviço de tapa-buraco.

O programa Prefeitura Presente promoveu 285 ações de aplicação de asfalto em 172 ruas de 43 bairros apenas no fim do ano passado. A Rua 24 de Maio também foi atendida, mas o local voltará a receber o serviço de tapa-buraco”.

Sobre a contenção de encostas, o Município busca a liberação de verbas junto aos Governos Federal e Estadual para colocar em prática o Plano Municipal de Redução de Risco (PMRR).

A prefeitura busca realizar intervenções de contenção de encostas em todas os locais apontados pelo Plano Municipal de Redução de Risco (PMRR) como áreas de risco alto e muito alto. Para isso, articula com governo federal e o governo Estadual a liberação de verbas que possam ser utilizados para serviços de contenção de encostas”, diz a nota.

Sobre os problemas relatados no Morro do Estado, a prefeitura promete providenciar as melhorias necessárias.

A prefeitura vai vistoriar a servidão e a quadra esportiva mencionadas para poder providenciar melhorias necessárias para esses locais”.

Sobre a calçada, a Secretaria de Obras vai verificar o trecho e adotar medidas necessárias para a manutenção”, confirma o Município sobre o calçamento.

Em relação ao lixo, a Comdep deve comparecer ao local para realizar a manutenção. “A Comdep vai enviar uma equipe ao local para constatar as condições da lixeira e do parquinho citados”.

A Prefeitura explica que a penalização do infrator, que estaciona seu veículo de forma irregular nas vias da cidade, deve ser denunciada quando comete a irregularidade. “Parar sobre a calçada é uma infração de trânsito, punida com multa. As irregularidades devem ser denunciadas à CPTrans, para que possa atuar no momento da infração e fazer o flagrante. Denúncias podem ser feitas pelo 156 – 22371703 ligação e serviços gratuitos”, finaliza a Prefeitura.

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin

veja também