Câmara aprova indicação de compra de drones para reforço da Guarda Civil

O instrumento ofereceria maior economia de recursos para o patrulhamento da cidade, evitando gastos com combustíveis e deslocamentos de agentes.
Compartilhe
Compartilhar no facebook
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no twitter

A Câmara Municipal deve encaminhar, em breve, para avaliação do Executivo Municipal a Indicação 5548/2021, de autoria do Vereador Gil Magno (DC) e aprovada em plenário na última semana, que pede a compra de drones para reforço na vigilância da Guarda Civil Municipal, assim como no auxílio à Polícia Militar, Defesa Civil e ainda dá sugestões referentes à segurança em Petrópolis.

A operação do drone é feita por controle remoto, à distância, e evita expor os agentes da Guarda a diversos riscos. O instrumento ofereceria maior economia de recursos para o patrulhamento da cidade, evitando gastos com combustíveis e deslocamentos de agentes.

Segundo o vereador, os drones garantiriam maior agilidade na fiscalização e melhor monitoramento dos locais de difícil acesso. “O equipamento é uma valiosa ferramenta que os órgãos de segurança pública podem usar em investigações, patrulhamento, ações de inteligência, monitoramento ambiental, acompanhamento e apoio de operações policiais. Eles permitem a visualização remota de áreas perigosas, extensas ou de difícil acesso, substituindo a presença física de modo mais prático, barato, rápido e seguro”, explica o autor da proposta, Gil Magno.

O uso de drones pelas forças de segurança pública tem sido cada vez mais comum em todo o país. Já regulamentado pela Agência Nacional de Aviação Civil (ANAC), o equipamento serve também para vigilância de ocupações irregulares, ocorrências de depredação ambiental, do patrimônio público e em situações de risco como deslizamentos de encostas e enchentes.

Compartilhe
Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no pinterest
Pinterest
Compartilhar no twitter
Twitter

veja também

Comentários estão fechados.